Novidades da Honda no Salão de SP

0
Postado 24 de outubro de 2012 por bisponeto em Salões
No estande da Honda do Brasil, no Salão Internacional de São Paulo que se realiza no Anhembi, as novidades da marca japonesa ficam um pouco ofuscadas pelo presença do supercarro Acura NSX. Mas entre suas atrações estão à nova geração do Accord, um motor de 2,0 litros para o Civic, o CR-V com motor flexível e o pacote Twist, de apelo “aventureiro”, para o monovolume Fit.

O novo Accord cujas vendas começam só em julho do próximo ano, teve suas linhas modernizadas e é exposto no Salão em duas versões: EX, com motor de quatro cilindros, 2,4 litros e 185 cv, e EX V6, com o 3,5-litros de 24 válvulas e 278 cv. Ambos trazem sistema ECON para direção econômica, câmera de ré com ângulo expandido e acendimento automático de faróis. O V6 vem ainda com acesso e partida sem chave, monitor de ponto cego por meio de uma câmera localizada no retrovisor direito e rodas de 17 polegadas.

Anunciado como modelo 2014 (mas ainda não à venda, pois não é permitido licenciar um 2014 ainda em 2012), o novo Civic, traz nova cilindrada em versões inéditas, LXR e EXR, ambas associadas à caixa automática de cinco marchas, sem opção por manual. Sua potência vai a 150 cv com gasolina e 155 cv com álcool, ante 139/140 cv de potência do motor 1,8, que permanece na versão de entrada LXS, com câmbio manual ou automático. Outras mudanças sofridas pelo sedã são: sistema de partida a frio com aquecimento de álcool, que dispensa o tanque de gasolina auxiliar (e elimina o estranho “bocal de Brasília” no pára-lama dianteiro); interface Bluetooth para celular em todas as versões e tampa do porta-malas revestida, itens estes que atendem a pedidos do público.

Mas à expectativa fica por conta do Civic Si, exposto no estande da Honda, na versão cupê vendida nos Estados Unidos. A Honda fala em importação para 2014, mas avisa que poderá haver mudanças no carro. O Civic Si mostrado tem motor de 2,4 litros com 201 cv de potência e torque de 23,5 m.kgf (ganho importante em relação ao de 2,0 litros da geração anterior), câmbio manual de seis marchas, rodas de 17 polegadas com pneus 215/45, teto solar e sistema de áudio com “subwoofer”.

E no CR-V apresentado pela fabricante japonesa, o motor flexível de 2,0 litros é o mesmo do Civic, com igual potência e também associado à caixa automática de cinco marchas, tanto na versão LX com tração dianteira quanto na EXL de tração integral. Mas há boas notícias e expectativas. É que o CEO da Honda Motor Corp., Takenobu Ito, anunciou novos planos da montadora japonesa para o Brasil. De acordo com o executivo, a Honda pretende construir uma nova fábrica no País em 2013. Atualmente, a empresa conta somente com uma fábrica no território brasileiro, localizada em Sumaré (SP). A Honda expandirá ainda seu centro de pesquisa para desenvolver produtos para o mercado brasileiro, deixando um pouco de lado a matriz.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)