Chevrolet Trailblazer custa até R$ 174.450

0
Postado 14 de novembro de 2012 por bisponeto em Automóveis
Depois de apresentar ao público no Salão do Automóvel de São Paulo (três semanas atrás), a GMB promove o lançamento oficial do SUV Chevrolet Trailblazer, que segue o estilo e bom nível de equipamentos da nova geração da picape S10 e deixa no passado a antiga geração, quando o nome ainda era Blazer.

Além de assumir o nome internacional Trailblazer, o novo SUV chega às concessionárias da marca, mais elitista. O novo utilitário esportivo da GMB será oferecido apenas na versão top LTZ, que oferece três fileiras de bancos e capacidade para sete pessoas.

Os preços, que traduzem bem o posicionamento do produto, parecem quase surreais para um carro fabricado no Brasil com a gravatinha da Chevrolet à frente: Trailblazer LTZ 3.6 gasolina: R$ 145.450,00 e Traiblazer LTZ 2.8 diesel: R$ 174.450,00 (valor superior aos 157 mil reais pedidos pelo Range Rover Evoque Pure). A configuração a gasolina, “de entrada”, é exclusiva para o Brasil. Seu motor é um V6 com 239 cv de potência e torque de 33,2 kgfm. A opção mais cara, turbocomprimida, tem  180 cv de potência e compensa (como é o caso em motores a diesel) no torque, de 47,9 kgfm. Para as duas versões a transmissão é automática de seis velocidades, com tração 4×4, como na nova S10 topo de gama.

Informa a GMB, que a Trailblazer também pode (ou deve) ser usado em “off-road”.  Além do visual alinhado à identidade global da Chevrolet (no caso, com dianteira igual à da S10), a Trailblazer é recheada de equipamentos. O quesito segurança do modelo conta com “airbags” frontais e de cortina, freios com ABS (antitravamento) e EBD (distribuição de força de frenagem), controle de tração, assistente em aclives, sensor de estacionamento, faróis de neblina e sistema de fixação para cadeiras infantis entre outros.

Mimos a bordo: comandos de telefonia Bluetooth e de áudio no volante, bancos dianteiros e retrovisores com ajustes elétricos, regulagem de altura dos faróis, comando específico de ar-condicionado para as quatro saídas das fileiras traseiras. O seletor da tração 4×4 é digital, como na S10. Os porta-objetos, de variados tipos, chegam a 34, segundo a GM. Câmera de ré, central multimídia (com telas de DVD para os passageiros traseiros) e faróis de xênon são acessórios. A Trailblazer tem porta-malas que pode chegar a 1.830 litros com o rebatimento das duas fileiras de assentos (com cinco lugares, são 878 litros; com sete, 235). Suas concorrentes, além do preço são: Mitsubishi Pajero Dakar e Kia Sorento.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)