COLUNA RETA OPOSTA:

0
Postado 12 de dezembro de 2018 por bisponeto em Colunas
Romullo Ribas comemora o título da Cadete Rookie

A última etapa da Copa Super Paraná de kart (SPK), que definiu os campeões da temporada 2018, foi disputada no domingo (9/12), no kartódromo Raceland Internacional, em Pinhais. O “Menino de Ferro”, Romullo Ribas (Intersept), venceu as duas corridas pela Cadete Rookie e alcançou o título máximo da categoria. Das 12 provas disputadas em seis etapas, Romullo Ribas conquistou 10 vitórias na classe Rookie, dois segundo lugares e uma pole position na Geral.

“O nosso objetivo inicial era o desenvolvimento do Romullo. As vitórias foram resultados de um trabalho e treinamento duros. Estamos muito felizes com o desempenho dele na Copa SPK, mas o melhor é sentir que está se divertindo”, declarou a mãe, Daiane Ribas. “Nunca cobramos dele a vitória, mas é muito bom ver ele vencer! Cobramos que ele tente fazer sempre o melhor que puder, que ele tenha dedicação e disciplina. O resto é consequência”, concluiu o pai, Fernando Ribas. “Foi um ano de muito aprendizado e fechamos com chave de ouro. Com as duas vitórias na Rookie levamos o troféu de campeão da Super Final e da temporada 2018. A comemoração foi grande, mas os treinos continuam. 2019 está aí e pretendemos participar dos maiores campeonatos nacionais. Não vai ser moleza”, comentou Rodrigo Paixão, preparador do Menino de Ferro.

Temporada 2018 foi positiva para Myasava e Sanchez

Gustavo Myasava e Leonardo Sanchez, pilotos da MRF Racing/EMS Farmacêutica, consideram positiva a temporada 2018 da Stock Light, encerrada no último domingo, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Na última prova do ano, Gustavo largou em quinto e conclui a prova em sexto. Ele explica que no treino classificatório teve problemas com pneus e na prova com os freios. Já Leonardo largou em 25º e concluiu a prova em 24º, porém uma rodada na metade da prova o impediu de buscar um Top 10 na prova.

Gustavo Myasava frisa que o problema nos freios não lhe permitiu brigar por um pódio, mas encerra da temporada de forma positiva, figurando no TOP 10 do campeonato, ao ocupar a nona colocação, com 106 pontos. “Tivemos boas provas e chegamos ao fim da temporada com o carro mostrando evolução. Isto nos projeta boas perspectivas para 2019” completa Myasava. Por sua vez, Leonardo Sanchez acentua que a prova do último domingo foi espetacular. Realizou algumas ultrapassagens nas primeiras voltas, porém uma rodada lhe tirou as chances de buscar uma colocação no TOP 10. “Após rodar, tive problemas para religar o carro. Quando consegui o pelotão já estava chegando. Mesmo tomando volta, consegui andar no meio do pelotão. Estreei na fase final da temporada e o objetivo era concluir as provas. Consegui e melhorando a cada corrida. Atingimos os objetivos”, destaca Leonardo Sanchez, acrescentando que a equipe MRF Racing/EMS Farmacêutica conclui a temporada na oitava colocação no campeonato de equipes.

Top 3 para Caio Victorelli na Super Final da Copa SPK

A Super Final da Copa Super Paraná de Kart (SPK), realizada no domingo (9/12), no kartódromo Raceland Internacional, em Pinhais, foi de altos e baixos para o piloto Caio Victorelli (Joia de Minas/Loucos por Churros/Mix Farinelli/Premiere Alimentos/ Santa Maria Laticínios/Sedecon Alimentos/Temperatta/Tia Eliana/VRT Competitions). O dia iniciou bem com a conquista da pole position pela categoria Novatos, mas um incidente na segunda prova entornou o eixo do kart obrigando o piloto a abandonar a disputa. Na primeira bateria, Caio Victorelli foi fortemente pressionado pelo segundo colocado desde a largada. Com disputas acirradas entre os dois pilotos por toda a pista, Victorelli manteve a posição de líder até a 6ª volta quando sofreu a ultrapassagem. A briga pela liderança continuou até as últimas voltas e Victorelli cruzou a linha de chegada em segundo lugar.

Na segunda bateria, última prova do ano, Victorelli largou bem e assumiu a liderança. A disputa passou a ser entre os três primeiros, que vinham no mesmo ritmo. Na 5ª passagem Victorelli foi ultrapassado e outro piloto estava próximo. Faltando duas voltas para o final, na briga pela 3ª posição, um concorrente entrou na curva e não conseguiu segurar o kart, que rodou. Muito próximo e na tentativa de um desvio, a roda traseira do kart de Victorelli bateu no outro equipamento fazendo o eixo do kart entortar. O piloto ainda tentou levar a corrida adiante, sem sucesso, teve que abandonar a pista. Com a soma dos resultados, Victorelli encerrou a etapa em 3º lugar.
“As disputas estavam boas, mas infelizmente, incidentes acontecem. Esta foi a minha segunda participação na Copa SPK e nas corridas de kart neste ano aqui no Brasil. Eu e a minha equipe vamos continuar os treinos e a preparação para tentarmos brigar por títulos na próxima temporada. Agradeço a equipe Cris Racing, ao meu pai e o apoio da minha família e amigos, e principalmente aos patrocinadores, que confiam suas marcas em mim”, concluiu Caio Victorelli.

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)