Actros e Axor têm 23% das vendas totais de extrapesados no Brasil

0
Postado 7 de dezembro de 2018 por bisponeto em Caminhões
A Mercedes-Benz emplacou 7.744 caminhões extrapesados das linhas Actros e Axor no Brasil em 2018, considerando o volume acumulado entre os meses de janeiro a novembro. São 4.094 unidades do Actros (216% de crescimento nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado) e 3.650 unidades do Axor (73% a mais).

“Juntos, o Actros e o Axor correspondem por 23% das vendas totais de extrapesados no Brasil em 2018, levando em conta todas as marcas”, diz Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Esse volume de emplacamentos também representa 43% das vendas de todos os caminhões da nossa marca no País, dos leves aos extrapesados, que chegou a 17.966 unidades até novembro”.

De acordo com o executivo, as vendas de extrapesados estão sendo puxadas pelas renovações de frotas nos setores do agronegócio, como transporte de grãos e de cana-de-açúcar, além da logística, transporte de combustíveis, mineração e varejo.

“A venda de extrapesados é a que mais reflete o aquecimento da atividade econômica no País”, ressalta Leoncini. “Por isso, o expressivo crescimento de participação do Actros e do Axor no mercado brasileiro aumenta nossa confiança na retomada do desenvolvimento, gerando oportunidades para todos”.

Liderança nas vendas de caminhões, com clientes renovando frotas

A Mercedes-Benz lidera as vendas de caminhões no Brasil este ano. No acumulado de janeiro a novembro, foram emplacadas 17.966 unidades, com a marca chegando a 27,8% de market share. O volume de vendas de 2018, até novembro, é 51% superior ao mesmo período de 2017, quando foram emplacados 11.883 caminhões Mercedes-Benz no País.

Além do agronegócio, logística, transporte de combustíveis, mineração e varejo, outras atividades vêm impulsionando as vendas de caminhões no ano, como transporte de bebidas e produtos frigorificados, principalmente nos segmentos de leves e médios.

Nesse contexto, em 2018, grandes empresas do transporte de cargas renovaram suas frotas com caminhões Mercedes-Benz. Entre elas: Ambev (228 Actros e Atego para distribuição de bebidas), Transpanorama (222 caminhões Axor e Atego para prestação de serviços ao Correios), Ouro Verde (140 Axor para produção de cana-de-açúcar e etanol) e Braspress (57 caminhões Mercedes-Benz, sendo 7 Axor 2041; 40 Axor 1933 e 10 Atego 1419), além de 250 caminhões para o segmento cegonheiro (200 Axor e 50 Actros).


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)