COLUNA RETA OPOSTA:

0
Postado 1 de julho de 2019 por bisponeto em Automobilismo
Firás Fahs estreia como piloto Techspeed em Cascavel

O Open do Campeonato Brasileiro de Kart, disputado sexta-feira e sábado, em Cascavel, no Paraná, foi especial para Firás Fahs, de Foz do Iguaçu. Primeiro porque foi a primeira competição como piloto Techspeed e segundo porque teve bom desempenho. A partir de agora Firás Fahs é piloto oficial da Techspeed e passa a competir comente com chassis da marca. No primeiro campeonato com Tech, Firás largou em 11º, conquistou o 10º lugar na primeira bateria, na sexta-feira, enquanto que no sábado foi 11º na segunda bateria e quarto na terceira.

Na soma de pontos e com o descarte do pior resultado, Firás se classificou na sétima colocação no Open. Mesmo não indo ao pódio, o piloto da equipe Cellshop/SOS Proteção classificou sua participação no Open como excelente. “Andamos no ritmo dos ponteiros nas três baterias e na última, brigamos pelas primeiras colocações. O chassis Techspeed é muito competitivo e vamos para o Brasileiro com a expectativa de estar no grupo dos competidores que brigarão pelo título”, acentua Firás Fahs. (Foto: Mário Ferreira).

 

Romullo Ribas otimista para disputar o Brasileiro de Kart

O primeiro semestre no kartismo brasileiro não foi nada fácil para o piloto paranaense Romullo Ribas. Das 10 competições que participou, em sete o resultado foi prejudicado por toques e batidas. Foi assim nas duas etapas do SPR Light de Kart, em duas das quatro rodadas do Metropolitano de Cascavel, nas duas etapas do Sul-brasileiro e no Sul-americano de Kart. No Open do Brasileiro, disputado na última sexta-feira e sábado, no kartódromo Delci Damian, em Cascavel, o Menino de Ferro conseguiu terminar as provas da Cadete. Devido a compromissos escolares, Romullo Ribas chegou no último treino oficial, na sexta-feira e fez o nono melhor tempo na tomada com 29 participantes.

Com o kart novo e com alguns ajustes ainda por serem testados, a RVC Competições, do preparador Rodrigo Paixão, usou as corridas para acertar o equipamento e deixar o piloto de 10 anos mais confiante nas disputas depois de sete intervenções consecutivas. “Depois de tantas batidas e avarias no kart estamos ajustando o equipamento novo. Com 29 participantes do Brasil inteiro na categoria Cadete, o Romullo teve boas disputas. Apesar de ter encerrado em 16º lugar, alcançamos o objetivo de testar os acertos. Continuaremos os treinos na pista até esta terça-feira, a fim de concluirmos os ajustes e ficarmos prontos para o Brasileiro de kart”, contou Rodrigo Paixão. (Foto: Eni Alves).

 

Júnior Flores ganha a Novatos no Open do Brasileiro

Ao vencer as três baterias, José Flores Júnior, de Foz do Iguaçu, sagrou-se sábado campeão da categoria Novatos no Open do Campeonato Brasileiro de Kart. A competição foi disputada no Kartódromo Delci Damian, que a partir do próximo dia 15 sedia o Campeonato Brasileiro. O domínio de Júnior Flores, da equipe Auto Posto Damo, só não foi completo porque largou na segunda colocação. Mas assumiu a liderança logo no início da primeira bateria, na sexta-feira, e ganhou também as duas baterias do sábado. Depois de descartar uma bateria, Flores somou 27,5 pontos, contra 22,5 do vice-campeão Gabriel Hanel.

Segundo Júnior Flores, o Open serviu para mostrar o que o Campeonato Brasileiro será um dos mais equilibrados dos últimos anos e competidores de vários estados estarão em Cascavel em condições de ser campeão. “Observamos no Open que nosso equipamento está próximo do que planejamos quando iniciamos para preparação para o Brasileiro, em fevereiro. Conquistamos o título, mas temos que focar ainda mais o Brasileiro”, completa Júnior Flores. (Foto: Mário Ferreira).

 

Pedro Aizza vence as três corridas em Cascavel

A grande fase vivida pelo piloto Pedro Aizza (Promax Bardahl/Thunder Technology/GM Motorsport) foi confirmada neste sábado (29/6), com mais um triunfo do curitibano de 14 anos. Aizza venceu o Open do Campeonato Brasileiro de Kart, em Cascavel, cidade que sediará, entre 15 e 27 de julho, a edição de 2019 do principal torneio nacional. Com esse resultado, ele conquistou a quinta vitória consecutiva na temporada, acumulando oito troféus de campeão em 12 provas disputadas. A vitória de Pedro Aizza no Kartódromo Delci Damian veio com outra atuação perfeita na temporada. Assim como no título de campeão sul-americano de kart, conquistado em Nova Santa Rita (RS), no último final de semana do mês de maio, o paranaense foi o mais rápido na classificatória e conseguiu ainda cruzar a linha de chegada na frente em todas as baterias realizadas.

“Na primeira corrida, realizada na sexta-feira (28/6), larguei na frente, porém, fui ultrapassado por um rival, que teve o azar de perder o bico de seu carro. Ou seja, no fim, venci sem ser tão incomodado como poderia, caso o meu adversário não tivesse esse problema”, relatou Pedro. “Essa situação me deu a vantagem de economizar bastante pneu, outro ponto positivo”, completou o dono do kart n.º 35. “Já no sábado (29/6) tivemos outras duas corridas. Na primeira do dia, segunda da etapa, o equilíbrio foi maior e tive que acelerar forte no final para garantir o segundo triunfo. Meu carro ficou um pouco mais escorregadio, o que foi bom em termos de avaliação de acertos para o Brasileiro, agora em julho”, avaliou Aizza. “Na corrida decisiva, outra vez liderei de ponta a ponta e o meu principal rival teve problemas de novo, desta vez no motor. Não fosse isso, teríamos uma disputa emocionante nas últimas voltas”, finalizou Pedro Aizza. (Foto: Eni Alves).

 

Alfredinho Ibiapina vence Open do Brasileirão de Kart

O Kartódromo Delci Damian, em Cascavel, recebeu de 27 a 29 de junho, pilotos de várias regiões do país para o Open do Brasileiro de Kart, a última competição oficial antes do campeonato mais importante do país, que acontece de 15 a 27 de julho, no mesmo local. Com 29 participantes na categoria Cadete o piloto Alfredinho Ibiapina (Orcali) iniciou a primeira bateria de provas na sexta-feira na 13ª posição do grid e encerrou, no sábado, no lugar mais alto do pódio. Foram três corridas muito disputadas. Na primeira prova, largando do 13º lugar do grid, Ibiapina se envolveu em alguns enroscos e cruzou a linha de chegada na 15ª colocação. Já na segunda, fez boa prova de recuperação. Volta a volta o piloto foi conquistando posições e recebeu a bandeira quadriculada em segundo lugar.

E na disputa decisiva, largou bem e foi administrando a posição até a penúltima volta quando fez a ultrapassagem que garantiu a vitória. A soma dos resultados colocou Ibiapina no lugar de honra do pódio do Open do Brasileirão. “Foi uma ótima preparação para o campeonato Brasileiro e a confirmação de que estamos no caminho certo. São quase dois anos de muito trabalho desenvolvendo o kart e a pilotagem do Alfredinho, e ele tem nos dado muitas alegrias. É incrível a determinação dele na recuperação de posições. Esperamos e acreditamos que tudo isso pode se converter em um bom resultado no campeonato nacional”, comentou Jefferson Neves, preparador da equipe A8 Racing. (Foto: Eni Alves).

 

Pedro Capobianco foi ao pódio do Open do Brasileiro

Campeão da categoria Escola do Citadino de Kart de Foz do Iguaçu em 2017, e 3º colocado em 2018 correndo na Cadete do certame, o piloto Pedro Capobianco encerrou a participação no Open do Brasileiro de Kart, no último sábado, em Cascavel, no Top 5 da categoria Mirim. Com 8 anos de idade, esta foi a primeira atuação do pequeno Capobianco em uma competição de nível nacional. Entre os 15 pilotos da Mirim, Pedro Capobianco marcou o terceiro melhor tempo na bateria classificatória. Nas duas primeiras provas o piloto largou bem, assumiu a segunda posição e manteve até a bandeirada final. Na última corrida, uma disputa roda a roda ainda na primeira volta fez o kart sair da pista e o piloto cair para o final o pelotão.

Longe do último colocado, Capobianco conseguiu chegar na fila e recuperar quatro posições terminando a corrida em 11º lugar. A soma dos resultados garantiu a Pedro Capobianco o 5º lugar no pódio da categoria. “Estamos muito felizes com o desempenho do Pedro. Esta é a primeira vez que ele corre com um grid acima de seis pilotos, à noite, e nos surpreendeu positivamente. Ele foi bem nos treinos, ficou sempre entre os primeiros colocados, conseguiu dois segundo lugares e, infelizmente, não teve sorte na última prova. Estamos bem otimistas com a estreia dele no Brasileiro de Kart”, comentou a mãe, Erika Capobianco. (Foto: Eni Alves).

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)