COLUNA RETA OPOSTA…

0
Postado 14 de setembro de 2018 por bisponeto em Automobilismo
Alfredinho Ibiapina foi sexto no Paranaense de Kart

Encerrado no último sábado, o Campeonato Paranaense de Kart teve disputas acirradas em várias categorias, mas a Cadete fez o público levantar e tremer o kartódromo de Pato Branco, no sudoeste do estado. Alfredinho Ibiapina foi um dos mais rápidos nos treinos livres. Conquistou o segundo lugar da primeira fila do grid com uma diferença de 10 milésimos de segundo para o pole position. Nas duas provas classificatórias, Alfredinho marcou a melhor volta, mas com 12 concorrentes bastante competitivos, o piloto da Embrasil alcançou o 4º e o 5º lugares, assumindo a 4ª posição do grid para a prova final.

Bandeira verde acenada e emoções em alta na corrida decisiva. Alfredinho Ibiapina perdeu três postos na primeira curva, e na segunda já era o terceiro colocado. As próximas 14 voltas foram de perdas e ganhos, e muita adrenalina. “Tivemos várias trocas de posições. A corrida final estava incrível! Todo mundo buscando o primeiro lugar, mas errei o ponto de freada em algumas curvas. Este erro me custou o campeonato, mas me deu muita experiência”, comentou Alfredinho Ibiapina, que terminou em sexto lugar na classificação do estadual.

Firás Fahs fica em 4º lugar no Paranaense de Kart

Com a sensação de que o título bateu na trave, Firás Fahs ficou contente com o quarto lugar na categoria Cadete no Campeonato Paranaense de Kart, encerrado sábado em Pato Branco, no Sudoeste do Estado. Firás teve uma atuação destacada. Largou na terceira colocação, conquistou o terceiro lugar na primeira prova classificatória, ganhou a segunda, e na soma das duas, conquistou o direito de largar na pole position na Final. O piloto de Foz do Iguaçu manteve a liderança na largada e permaneceu em primeiro boa parte da prova, quando teve início uma série de troca de posições no primeiro pelotão. Depois de várias alternâncias de posições, Firás entrou na última volta em sexto e na bandeirada final conseguiu pular para a quarta colocação, a 0s255 de Gabriel Moura, o vencedor. A vitória de catarinense Gabriel Moura foi por apenas 59 milésimos de segundos sobre Rafael Vasco, de Francisco Beltrão.

Segundo Firás, o motivo de estar satisfeito com o quarto lugar é porque enfrentou piloto de alto nível técnico, andou sempre entre os mais rápidos nos treinos, largou em terceiro, ganhou uma das provas classificatórias, largou na pole na Final e brigou pelo título até a bandeirada final. “Saímos de Pato Branco com a certeza de que fizemos tudo o que foi possível para ganharmos o campeonato. O título bateu na trave, ficamos com a certeza de que evoluímos muito nesta temporada”, acentua Firás Fahs.

Romullo Ribas teve dias difíceis no Paranaense de Kart

Disputado nos dias 7 e 8 de setembro, em Pato Branco, o Campeonato Paranaense de Kart 2018 não terminou como a equipe RVC, do preparador Rodrigo Paixão, gostaria. Campeão do Open, realizado duas semanas antes do estadual, Romullo Ribas apresentou boas disputas na corrida decisiva, mas largando do final do grid, não conseguiu avançar para as primeiras posições da Cadete, que teve uma competição acirrada até a bandeirada final.

“O Romullo teve uma tomada de tempo ruim, e com 12 pilotos altamente competitivos, ficou complicado executar as ultrapassagens nas classificatórias e na corrida final em que terminou em nono lugar. Viemos de dois bons resultados nas últimas duas semanas, mas infelizmente, o título do Paranaense de Kart ficará para outra oportunidade” declarou Rodrigo Paixão. A preparação agora volta para a Copa Super Paraná de Kart, que terá a 4ª etapa realizada nos dias 29 e 30 de setembro, no Raceland, em Pinhais-PR. Romullo Ribas é o campeão do Torneio de Verão e vice-líder do Torneio de Inverno na categoria Cadete Rookie.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)