Copa Bana Pneus: O Sábado foi de boas disputas no AIC

0
Postado 3 de novembro de 2012 por bisponeto em Automobilismo
Com tempo bom e muito sol em Curitiba, foram realizadas neste sábado (3/11) as primeiras provas da oitava e última etapa do Campeonato Metropolitano de Marcas e Pilotos 2012, a Copa Bana Pneus, com belas disputas no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC). A etapa foi disputada nas categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Turismo 5000 “A” e “B” e Turismo 1.6, com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

– Grids de largada –

Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os três primeiros por categoria foram: Turismo 1.6: 1.º) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 1min42s183; 2.º) Stive Tokarski (PR), 1min42s351; e 3.º) Carlos Vaz/Marcelo Cordeiro (PR), 1min42s879. Turismo 5000 “A”: 1.º) Eduardo Berlanda (SC), 1min36s032; 2.º) Marco Antonio Garcia (PR), 1min36s704; e 3.º) Maurício Reuter (SC), 1min36s912. Turismo 5000 “B”: 1.º) Osvaldo Scheer Filho (SC), 1min37s198; 2.º) Marcio Reuter (PR), 1min37s820; e 3.º) Marco Aurélio Garcia (PR), 1min38s150. Marcas “A”: 1.º) Jorge Martelli (SC), 1min40s642; 2.º) Pierre Sabbagh (SC), 1min40s723; e 3.º) Michel Giusti (SC), 1min40s832. Marcas “B”: 1.º) João Gilberto Arruda (SC), 1min41s046; 2.º) Vicente Orige Silva (SC), 1min41s518; e 3.º) Wanderlei Berlanda Jr (SC), 1min41s543. Marcas Sênior: 1.º) Marcos Ramos (PR), 1min41s720; 2.º) Max Mohr (SC), 1min41s759; e 3.º) Cláudio Simão (SC), 1min41s901.

– Turismo 1.6 –

            A categoria Turismo 1.6, foi a primeira a entrar na pista, com 19 participantes, que realizaram uma prova muito boa. O pole position Andrei Carta manteve a liderança na largada, seguido de Stive Tokarski, Eduardo Fontana, que largou da sétima colocação, Jeferson Averbuck, A. Andretta, Marcelo de Miranda Guilherme Scheer, Beto Baú, Rodrigo Tassi, e Carlos Vaz. Na terceira volta, Stive Tokarski ultrapassou Andrei Carta e assumiu a liderança da prova, mas na quinta volta Andrei Carta recuperou a posição. A “briga” estava boa entre Jeferson Averbuck, A. Andretta e Eduardo Fontana pela terceira, quarta e quinta posições. As posições permaneceram as mesmas até a entrada do “safety car”, na nona volta. Na relargada, Andrei Carta manteve a liderança, seguido de perto por Stive Tokarski e Jeferson Averbuck. Diego Berte saiu da corrida com 13 voltas, Eduardo Fontana abandonou a prova com 14 voltas e A. Andretta também teve problemas com 17 voltas e não completou a prova. Na 17.ª volta, Stive assumiu novamente a liderança, mas levou o troco na última volta, com bela ultrapassagem de Andrei Carta na “Curva da Vitória”.  Ao fim de 19 voltas, vitória de Andrei Carta na primeira corrida da Turismo 1.6, com tempo total de 33min05s113, seguido de Stive Tokarski, a 0s186, Carlos Vaz, a 9s210, Roberto Baú, a 9s639, Jeferson Averbuck, a 10s937, e em sexto lugar, Jr Krutzsch, a 14s319. A volta mais rápida da prova foi de Beto Baú, na 13.ª passagem, com o tempo de 1min42s765, à média de 129,44 km/h.

– Marcas –

            A largada da primeira bateria das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, aconteceu às 15h10, com o pole position Jorge Martelli mantendo a liderança da prova, seguido de perto por Michel Giusti, Pierre Sabbagh, Davi Dal Pizzol, Marcel Rodrugues, Valmor Emílio Weiss, João Gilberto Arruda, Vicente Orige Silva, Wanderlei Berlanda Jr e Ruslan carta Filho. O motor do carro de Gustavo Magnabosco quebrou na volta de apresentação e o piloto nem correu esta prova. Jorge Martelli rodou na entrada do “Pinheirinho”, perdendo várias posições e Michel Giusti assumiu a liderança. As posições se mantiveram até a entrada do safety car, na nona volta. Na relargada, na décima volta, Michel Giusti perdeu o primeiro lugar para Davi Dal Pizzol, seguidos de perto por Marcel Rodrigues e Pierre Sabbagh. Nesse momento, Davi Dal Pizzol era o líder na Geral e na Marcas “A”, na Marcas “B” o líder era de João Gilberto Arruda, e na Sênior o primeiro era Marcos Ramos, numa prova muito disputada nas três categorias. Na disputa pela terceira posição, Pierre Sabbagh rodou, perdendo várias posições. Marcel Rodrigues abandonou por quebra de motor. Depois de 20 voltas, a vitória na Geral e Marcas “A” foi de Davi Dal Pizzol, com tempo total de 34min56s409, seguido de Valmor Emílio Weiss, a 1s092, Jorge Martelli, a 2s543, Michel Giusti, a 3s071, Pierre Sabbagh, a 3s828, e em sexto lugar, Thiago Rausis, a 8s040. Na Marcas “B” venceu Wanderlei Berlanda Jr, com o tempo de 35min03s160, com Vicente Orige Silva em segundo, a 0s282, Rodrigo Libera em terceiro, a 10s928, Thiago Oliveira em quarto, a 24s912, Ruslan Carta Filho em quinto, a 29s522, e, Eduardo Maldonado em sexto lugar, a 42s003. E na Sênior, vitória de Marcos Ramos, com tempo de 35min02s115, vindo a seguir Luiz Ferreira, a 6s207, Max Mohr, a 6s660, Cláudio Simão, a 10s992, Carlos Brockveld, a 24s817, e, Celso Mancia, a uma volta. A volta mais rápida da prova foi de Michel Giusti, na 6.ª passagem, com o tempo de 1min41s233, à média de 131,40 km/h.

– Turismo 5000 –

 Boa prova também nas categorias Turismo 5000 “A” e Turismo 5000 “B”, às 16h10, com 15 participantes, encerrando a tarde de velocidade no AIC. No início da primeira prova, Eduardo Berlanda manteve a liderança, com bom “pega” entre Maurício Reuter, que assumiu a segunda posição na largada e Marco Antonio Garcia, pela segunda posição. Marco Antonio Garcia reassumiu o segundo lugar na quinta volta. Na sétima volta, Roberto Pruner, que era o quarto colocado, quebrou e abandonou a corrida. Depois disso, os carros foram se espalhando pela pista, apenas com disputa constante entre Garcia e Reuter. Após 15 voltas, vitória na Geral e Turismo 5000 “A” foi de Eduardo Berlanda, com tempo total de 24min23s292, seguido de Marco Antonio Garcia, a 5s632, Maurício Reuter, a 9s854, Anderson Andrade, a 27s196, Odair Costa Jr, a 31s252, e, Armin Kliewer, a 31s408. Na Turismo 5000 “B”, venceu Márcio Reuter, com o tempo de 24min42s575, com Osvaldo Scheer Filho em segundo, a 10s000, Marco Aurélio Garcia em terceiro, a 11s101, Richard Heidrich em quarto, a 16s239, Robson Koling em quinto, a 20s852, e, Marco André Garcia em sexto, a 25s178. Eduardo Berlanda marcou a volta mais rápida da prova, na 2.ª passagem, com tempo de 1min36s480, à média de 137,87 km/h.

As provas no domingo (4/11) iniciam às 10h15, com a segunda prova das categorias Turismo 5000, às 11 horas largam as categorias Marcas. Às 12 horas, pódio das categorias Turismo 5000 e Marcas. Às 13h50 larga a primeira prova da Sprint Race, às 14h35 larga a segunda prova da categoria Turismo 1.6, seguida de pódio, e às 15h50 larga a segunda prova da Sprint Race, também com pódio em seguida, às 16h20.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)