Beto Monteiro é o primeiro campeão da temporada 2020 da Copa Truck

0
Postado 29 de junho de 2020 por bisponeto em Automobilismo
Beto Monteiro iniciou a primeira disputa oficial da Copa Truck em 2020 como terminou o ano passado: no lugar mais alto do pódio. Em etapa disputada no início da tarde deste domingo (28/6) sob rígido protocolo de conduta acordado com a Prefeitura, a Vigilância Sanitária e a Secretaria de Saúde da cidade paranaense, o piloto pernambucano venceu e garantiu o título Copa Cascavel, que contemplou as disputas de sábado e domingo, que tiveram formato diferenciado e duração de 40 minutos cada.

Após partir da quinta posição, Beto fez uma excelente largada, escapou do toque entre os pilotos Jô Augusto e Adalberto Jardim, que dividiram a primeira fila, e passou boa parte da corrida disputando com Roberval Andrade, que tinha um equipamento menos veloz que o do rival. Depois de diversas voltas aplicando uma pilotagem defensiva e agressiva, o campeão de 2018 acabou sendo ultrapassado por Beto, que, a partir de então, abriu dos concorrentes e não foi incomodado até a bandeirada.

“Estou com uma felicidade imensurável. Depois de tanto tempo parado, é muito diferente essa nova realidade. Parabéns para a equipe, que me devolveu a velocidade que não tive ontem e trabalhou durante a noite junto com a fábrica para essa melhoria. Foi uma disputa dura com o Roberval, tinha bastante óleo na pista, mas consegui achar uma brecha com aderência para me posicionar e ultrapassar. Rolou uma esfregada, mas deu certo”, destaca.

“Queria dar meus sinceros parabéns à Mais Brasil e à prefeitura de Cascavel que permitiram essa retomada de forma segura. Agora, com o modelo que foi aplicado aqui, será possível continuar o automobilismo, pois os fãs e quem vive disso merece este retorno”, completa.

Roberval, por sua vez, suportou com todas as forças a pressão de André Marques, o quarto, enquanto Wellington Cirino, que começou a corrida na liderança da Copa, se viu com problemas mecânicos e teve de tirar o pé nas voltas finais para conseguir concluir a corrida, chegando em quarto lugar, logo à frente do estreante Rafael Lopes, que garantiu seu primeiro pódio chegando apenas 0s268 à frente de Débora Rodrigues, que, assim como no dia anterior, bateu na trave e chegou em sexto.

Beto e Cirino terminaram a Copa com 38 pontos, mas o pernambucano levou a melhor por conta do regulamento, que aponta como critério de desempate o resultado da segunda corrida. André Marques garantiu a vaga final para a Grande Final de dezembro. A próxima etapa da Copa Truck será anunciada em breve e deverá ser realizada no mês de agosto em local ainda a definir.

Resultado da etapa 2:
1.º) Beto Monteiro (Volkswagen), 27 voltas em 40min39s718;
2.º) Roberval Andrade (Mercedes-Benz), a 8s672;
3.º) André Marques (Mercedes-Benz), a 10s813;
4.º) Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 18s205;
5.º) Rafael Lopes (Volkswagen), a 22s005;
6.º) Debora Rodrigues (Mercedes-Benz), a 22s273;
7.º) Felipe Giaffone (Iveco), a 23s574;
8.º) Renato Martins (MAN), a 30s634;
9.º) Felipe Tozzo (MAN), a 31s239;
10.º) Regis Boéssio (Volvo), a 31s460;
11.º) Raphael Teixeira (Protótipo), a 1 volta;
12.º) Evandro Camargo (Mercedes-Benz), a 1 volta.

Não completaram:
Jô Augusto (Volkswagen), a 8 voltas;
Valdeno Brito (Mercedes-Benz), a 9 voltas;
Djalma Pivetta (Iveco), a 22 voltas;
Fábio Fogaça (Protótipo), a 22 voltas;
Adalberto Jardim (Protótipo), a 24 voltas;
Luiz Lopes (Iveco), não largou;
Paulo Salustiano (Volkswagen), não participou;

Melhor volta: Beto Monteiro, 1min20s564.

Classificação final da Copa:
1.º) Beto Monteiro, 38;
2.º) Wellington Cirino, 38;
3.º) André Marques, 36;
4.º) Roberval Andrade, 35;
5.º) Débora Rodrigues, 28;
6.º) Renato Martins, 23;
7.º) Valdeno Brito, 20;
8.º) Rafael Lopes, 15;
9.º) Felipe Giaffone, 13;
10.º) Adalberto Jardim, 13;
11.º) Jô Augusto, 12;
12.º) Felipe Tozzo, 11;
13.º) Regis Boessio, 10;
14.º) Djalma Pivetta, 10;
15.º) Raphael Teixeira, 9;
16.º) Evandro Camargo, 8;
Fábio Fogaça, Leandro Totti, Paulo Salustiano e Luiz Lopes não pontuaram.

Classificação das Montadoras:
1.º) Mercedes-Benz, 80;
2.º) Volkswagen/MAN, 65;
3.º) Iveco, 23;
4.º) Volvo, 10.

(Fotos: Vanderley Soares e Duda Bairros).


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)