Nova linha 2020 do MINI Countryman estreia no Brasil

0
Postado 17 de outubro de 2019 por bisponeto em Automóveis
A linha 2020 do MINI Countryman, o maior integrante do portfólio da marca britânica e um dos modelos mais ecléticos de sua categoria já está disponível na rede de concessionárias da marca no País. Produzido em Born, na Holanda, e apto a oferecer o autêntico “go-kart feeling” aliado à versatilidade proporcionada por um verdadeiro utilitário esportivo, o MINI Countryman 2020 faz sua estreia no mercado brasileiro em quatro diferentes versões a partir de R$ 149.990, preço sugerido para o MINI Cooper Countryman Exclusive. As outras opções do SUV são MINI Cooper Countryman TOP (R$ 159.990), MINI Cooper S Countryman ALL4 (R$ 189.990) e o híbrido plug-in MINI Cooper S E Countryman ALL4 (R$ 219.990).

Entre as principais novidades do MINI Countryman 2020 estão as novas transmissões de sete ou oito marchas, e dupla embreagem, que equipam as opções dotadas, respectivamente, de motorização Cooper e Cooper S; a nova bateria de íon-lítio de alta voltagem capaz de proporcionar rapidez na recarga e maior autonomia de deslocamento para o híbrido plug-in MINI Cooper S E Countryman ALL4; e o novo rack de teto oferecido como equipamento de série para todas as versões do SUV, inclusive para o MINI Cooper Countryman Exclusive.

O verdadeiro ‘go-kart feeling’ em ambiente familiar

Instigante e versátil, o MINI Countryman 2020 compreende em seu DNA o autêntico “go-kart feeling”, ou a sensação de estar ao volante de um kart, uma das características tradicionais dos modelos da marca britânica. Os motores, dotados de tecnologia MINI TwinPower Turbo e que equipam o MINI Countryman, contam com construção mais leve e eficiente e que se traduz em uma redução nas emissões de poluentes.

O MINI Countryman tem à disposição três opções de motorização distintas, duas movidas à gasolina e uma híbrida. As opções à combustão são um três cilindros, de 1.499 cm³ e 136 cavalos de potência (entre 4.500 e 6.500 rpm) e 220Nm de torque (entre 1.480 e 4.100 rpm), disponível na versão Cooper; e um quatro cilindros, de 1.998 cm³ e 192cv (entre 5.000 e 6.000 rpm) e 280Nm (entre 1.350 e 4.600 rpm), disponível na versão Cooper S. O sistema híbrido sincronizado, por sua vez, integra um motor elétrico capaz de oferecer potência de 88cv (a partir de 4.500 rpm) e torque instantâneo de 165Nm (até 3.000 rpm). Já o motor de três cilindros, a combustão, de 1.499 cm³, está apto a entregar 136cv (entre 4.400 e 6.000 rpm) e 220Nm de torque (entre 1.250 e 4.300 rpm). Seja com o motor a gasolina ou no modo zero-emissões, o conjunto garante diversão ao volante seja sobre o asfalto ou longe dele. No caso de uma aceleração mais intensa, o motor elétrico, atuando em conjunto com o motor a combustão, alcança uma potência total é de 224cv (entre 4.000 e 6.000 rpm) e o torque de 385Nm (até 4.300 rpm) proporcionando aceleração de 0 (zero) a 100 km/h em 6,8 segundos e velocidade máxima de 198 km/h.

Novas transmissões automáticas Steptronic

O conjunto motriz agrega ainda a nova transmissão automática Steptronic de sete marchas (Cooper) ou oito marchas (Cooper S) e dupla embreagem. Entre os principais atributos desta nova tecnologia estão as trocas de marcha extremamente rápidas, o alto grau de conforto durante as viagens e a eficiência otimizada no consumo de combustível. Estas características peculiares contribuem para ressaltar um perfil ainda mais esportivo do MINI Countryman, além de assegurar uma condução ainda mais dinâmica e um prazer de dirigir potencializado.

A nova transmissão de dupla embreagem é acionada por meio da nova alavanca seletora eletrônica, que retorna sempre à posição original, automaticamente, após o motorista selecionar o modo de condução (D), a posição neutra (N) ou a marcha a ré (R). O freio de estacionamento é ativado automaticamente apertando o botão ‘P’, situado no topo da alavanca. Já o modo ‘S’ (Sport) pode ser acionado a partir da posição D, deslocando a alavanca para a esquerda. Ele permite um estilo de condução particularmente esportivo, além de possibilitar engates manuais. O gerenciamento eletrônico da nova transmissão de dupla embreagem também permite mudanças baseadas em dados de navegação e além de auxiliar a função start/stop nas reduções do consumo de combustível e dos níveis de emissões de poluentes.

A arquitetura da transmissão de dupla embreagem foi herdada diretamente do automobilismo. E assim como nas pistas de corrida, ela permite acelerações de forma altamente dinâmica e sem perda de torque. Enquanto o pedal do acelerador é pressionado o gerenciador da transmissão define, em frações de segundo, os pontos de mudança de marcha de forma precisa para melhor aproveitamento das faixas de torque com menor perda possível para um desempenho excelente.

Isso é possível devido à estrutura específica da transmissão de dupla embreagem. Ela combina dois eixos primários em uma única caixa. O componente principal do sistema consiste de duas embreagens, refrigeradas a óleo: uma delas é responsável pelas relações de transmissão pares enquanto a outra é encarregada pelas ímpares e pela marcha a ré. As embreagens trabalham de forma escalonada e interagem quando acelerações/desacelerações são necessárias.

Se o veículo estiver em terceira marcha, por exemplo, a transmissão de força ocorre por meio da embreagem ativa e do eixo primário para as relações de transmissão ímpares. Ao mesmo tempo, o gerenciador da transmissão assegura que a próxima marcha – neste caso a quarta – já esteja previamente engatada no eixo primário responsável pelas relações de transmissão pares. Em seguida, a embreagem da terceira marcha é desacoplada para que a da quarta marcha seja engatada. Isso acontece simultaneamente com a menor interrupção de tração possível.

Para acionar a marcha ideal no momento certo, o sistema de gerenciamento eletrônico da nova transmissão de dupla embreagem analisa permanentemente as intenções do motorista e a situação durante o deslocamento. Esta análise considera a posição do acelerador, os giros do motor, a velocidade e o modo de condução MINI. Como resultado, rápidas trocas de marcha podem ser feitas para responder da melhor forma às mudanças repentinas das condições ao volante. Se a aceleração tiver que ser interrompida inadvertidamente, por exemplo, a transmissão de dupla embreagem não leva mais do que uma fração de segundo para disponibilizar a marcha logo abaixo em vez de engatá-la imediatamente acima. As trocas simultâneas de marcha tornam as acelerações e desacelerações não apenas mais rápidas, mas também mais suaves. Em termos de acústica, as trocas só são percebidas em rápidas sequências de redução – também observadas em acelerações mais fortes.

Nova bateria do MINI híbrido plug-in

A nova bateria de íon-lítio de alta voltagem que passa a equipar o MINI Cooper S E Countryman ALL4 elevou a capacidade energética do sistema híbrido do SUV de 7.7 kWh para 10.0 kWh, resultando em um aumento de 30% na autonomia elétrica. Ou seja, agora, o veículo é capaz de rodar até 52 quilômetros no modo puramente elétrico e livre de emissões. Além disso, a bateria fica posicionada sob o assento traseiro, otimizando o espaço interno, podendo ser totalmente recarregada na tomada de energia elétrica doméstica em cerca de 5 horas, ou em 3h15 quando conectada a um Wallbox.

Cores externas e revestimentos

As versões Exclusive e TOP do MINI Countryman 2020 contam com oito opções de cores externas, sendo uma Standard (Cinza Moonwalk), sem custo adicional; três Classic (Branco Light, Preto Midnight e Vermelho Chili), outras quatro Modern (Azul Island, Cinza Melting e Marrom Chestnut), além de uma Special (Preto Enigmatic). Ambas versões podem vir com teto nas cores preta, branca ou na mesma tonalidade da carroceria. Na Exclusive, o interior vem com revestimento Cloth Firework, em Preto Carbono, e, na TOP, em Leatherette, também em Preto Carbono. Além das mesmas cores externas das versões Exclusive e TOP, o MINI Cooper S Countryman ALL4 dispõe de pintura externa adicional, a Modern Cinza Thunder. Já o MINI Countryman híbrido conta com quatro variantes de revestimento de couro. São elas: Couro Cross Punch, em Preto Carbono; Couro Chester, nas cores British Oak ou Cinza Satellite; ou ainda em Couro Lounge MINI Yours, em Preto Carbono.

Versões e equipamentos

MINI Cooper Countryman Exclusive (R$ 149.990)

Esta opção vem equipada com ar-condicionado, volante esportivo revestido de couro e equipado com botões multifuncionais, controle de cruzeiro com função freio, faróis de neblina em LED, rack de teto, sensores de chuva e de estacionamento traseiro, rodas de liga leve Imprint Spoke, de 17 polegadas e calçadas com pneus Run-flat; e revestimento interno Cloth Firework Preto Carbono. A lista de opcionais oferece câmera de ré, faixas decorativas para o capô, nas cores branca e preta; e rodas de liga leve Channel Spoke, de 17 polegadas e calçadas com pneus Run-flat.

MINI Cooper Countryman TOP (R$ 159.990)

Além de itens em comum com a versão Exclusive, a TOP conta com assentos dianteiros esportivos revestidos de couro com regulagem elétrica e memória, faróis Full LED, Pacote Connected Media (MINI Connected, Chamada Inteligente de Emergência, Serviço ConnectedDrive, Teleservices e Serviços Remotos), ar-condicionado digital automático dual-zone; Pacote de Armazenamento, Pacote de Luzes, Radio MINI Visual Boost (Interface Bluetooth Hand Free, LED Ring e Tela touch-screen de 6,5”). A lista de itens opcionais agrega câmera de ré, faixas decorativas para o capô, nas cores branca e preta; e rodas de liga leve Channel Spoke, de 17 polegadas e calçadas com pneus Run-flat; Pacote Parking (Parking Assistant e sensor de estacionamento dianteiro), Pacote Navi+Com (Navegação e Concierge Service), teto solar panorâmico e sistema de áudio Hi-Fi Harman Kardon.

MINI Cooper S Countryman ALL4 (R$ 189.990)

Além de itens em comum com a opção TOP, esta versão vem com abertura e fechamento automático do porta-malas, Faróis Full LED direcionais, MINI Connected e MINI Connected XL, MINI Driving Modes, Pacote MINI Excitement (Iluminação das maçanetas, luzes de ambiência e projeção do logotipo da MINI no piso), Pacote Connected Navigation Plus (Apple Carplay, Interface Bluetooth Hand Free, Ligação de Emergência Inteligente e Sistema de Navegação MINI com RTTI, Serviços ConnectedDrive, MINI Concierge, Serviços Remotos, Tela Multimidia touch-screen de 8,8”, e Teleservices), Pacote Luzes, sensor de estacionamento com câmera de ré, sensores de chuva e crepuscular e teto solar panorâmico. A lista de itens opcionais inclui, faixas decorativas para o capô, nas cores branca e preta; rodas de liga leve MINI Yours British Spoke 2-tone, de 19 polegadas e calçadas com pneus Run-flat; Pacote Parking (Parking Assistant e sensor de estacionamento dianteiro), MINI Head-up Display; e sistema de áudio Hi-Fi Harman Kardon.

MINI Cooper S E Countryman ALL4 (R$ 219.990)

Neste caso, além de alguns itens em comum com a opção Cooper S, esta versão vem com Comfort Access, MINI Head-up Display, Sistema de Áudio Hi-Fi Harman Kardon, superfícies internas iluminadas em MINI Yours Piano Black, volante MINI Yours Sport revestido de couro Walknappa com botões multifuncionais; e rodas de liga leve MINI Yours British Spoke 2-tone, de 19 polegadas. A lista de itens opcionais inclui, faixas decorativas para o capô, nas cores branca e preta; e Pacote Parking (Parking Assistant e sensor de estacionamento dianteiro).


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)