Ducati apresenta a Multistrada 1260

0
Postado 3 de novembro de 2018 por bisponeto em Motos
A nova Ducati Multistrada 1260 desembarca no Brasil e reforça o domínio da Ducati no segmento big trail de alta cilindrada, com uma família de produtos que se caracteriza por unir alta tecnologia, conforto e desempenho inigualáveis.

De eletrônica sofisticada, a Ducati Multistrada 1260 combina o extraordinário motor de 1.262 cm3 de cilindrada com 158 cavalos de potência. O alto desempenho deriva do motor Testastretta DVT, com melhor torque, capacidade de circulação e capacidade de tração. Ou seja, a Ducati Multistrada 1260 entrega muito mais potência a partir de baixas rotações.

E para comemorar, a nova Ducati Multistrada 1260 já entra no mercado brasileiro com a chancela de “Moto do Ano 2019 – Categoria Adventure”, superando concorrentes lançadas no último ano como BMW R 1200 GS TFT, BMW R 1200 GS Adventure TFT, Triumph Tiger 1200 XCX, Triumph Tiger 1200 XCA, Suzuki V-Strom 1000 XT e Ducati Multistrada Enduro Limited Edition.

Com pontuação geral de 9,3 pontos, a Ducati Multistrada 1260 foi avaliada por oito jornalistas nos quesitos: motos, freios, suspensões, agilidade, conforto, design e custo-benefício. O prêmio Moto do Ano da Revista Duas Rodas está em sua 20a edição e sustenta o título de “maior comparativo internacional de motocicletas já realizado por um veiculo de mídia”.

Entre as principais novidades destaque para o Ducati Quick Shift (disponível na versão S) que permite a troca de marchas automática para cima ou para baixo, sem o uso da embreagem. E para o TPMS, sensor avançado para o monitoramento da pressão dos pneus. No Brasil serão comercializadas as versões ABS e S (fotos abaixo). Preço público sugerido: Ducati Multistrada 1260 ABS R$ 74.900,00 e Ducati Multistrada 1260 S R$ 84.900,00.

Multistrada 1260 (versão S)

Disponível na cor vermelha, com chassi cinza e aros pretos. Dotada de diferencias como modos de condução, modos de potência, Ducati Safety Pack (DW) / Quick-shift up and down, cruise control, interruptores de guidão retroiluminados, Ducati Multimedia System (DMS), Painel TFT a cores, farol de LED completo, assistente de saída em rampa (VHC) e partida sem uso de chave.

Cor: vermelho com chassi cinza e aros negros; Ducati Motor Testastretta DVT 1262; Ducati Quick Shift (DQS) up/down; Ducati Safety Pack (Bosch Cornering ABS + DTC); Bosch IMU (Unidade de Medição Inercial); Sistema Bosch-Brembo 9.1ME ABS con assistência em curvas; Discos dianteiros de 320 mm com pinças Brembo de 4 pistões; Controle de cruzeiro eletrônico; Modos de pilotagem; Modo de Potência Ride-by-Wire; Ducati Wheelie Control (DWC); Controle de Tração Ducati (DTC); Controle de retenção de veículo (VHC); Ducati Multimedia System (DMS); Altura do assento do piloto ajustável; Painel de instrumentos em LCD; Sistema de suspenção eletrônica semiativa Sachs Ducati Skyhook Suspension (DSS) Evolution; Farol Full-LED com Ducati Cornering Lights (DCL); Painel de instrumentos com tela de 5” de alta resolução TFT em cores, especificamente projetado para aplicações em motocicletas.

Multistrada 1260 (versão ABS)

Disponível na cor vermelha, com chassi cinza e aros pretos. Dotada de diferencias como modos de condução, modos de potência, Ducati Safety Pack (DW) / preparada para Quick-shift up and down, cruise control, interruptores de guidão retroiluminados, Ducati Multimedia System (DMS), assistente de saída em rampa (VHC) e partida sem uso de chave.

Cor: vermelho com chassi cinza e aros negros: Ducati Motor Testastretta DVT 1262; Bosch IMU (Unidade de Medição Inercial); Sistema Bosch-Brembo 9.1ME ABS con assistência em curvas; Discos dianteiros de 320 mm com pinças Brembo de 4 pistões; Controle de cruzeiro eletrônico; Modos de pilotagem; Modo de Potência Ride-by-Wire; Ducati Wheelie Control (DWC); Controle de Tração Ducati (DTC); Controle de retenção de veículo (VHC); Altura do assento do piloto ajustável; e Painel de instrumentos em LCD.

Motor DVT
A Multistrada 1260 traz em sua atualização o novo motor Ducati Testastretta DVT (Desmodromic Variable Timing) de 1262 cm3, novo chassis, electrônica mais avançada e design que inclui novas asas laterais e rodas com um layout mais esportivo. Graças ao novo motor Ducati Testastretta DVT de 1262 cm3 aprovado Euro 4 torna-se ainda mais agradável no uso de todos os dias, graças ao binário mais substancial na gama baixa e média.

Na verdade, 85% do torque já está disponível a partir de 3.500 rpm com um aumento da curva de 18% a 5.500 rpm, comparado com o modelo anterior. Isso torna a Multistrada 1260 o modelo de sua categoria com o maior valor de torque a 4.000 rpm, ou o regime de rotação mais utilizado durante a condução. Estas performances também são fáceis de gerir graças ao novo Ride by Wire, que permite uma conexão de gás ainda mais suave e ao DQS (Ducati Quick Shift) Up & Down que melhora significativamente a experiência de condução graças a enxertos fluidos e precisos para cima e para baixo nas engrenagens.

Pacote de personalização

  • Pack Touring: alças aquecidas, caixas laterais e suporte central;
  • Sport Pack: escapamento aprovado pela Ducati Termignoni (atende aos requisitos de homologação dos países da UE), pára-lama dianteiro de fibra de carbono, bombas de freio dianteiro de tampas de tanque e embreagem de alumínio a partir de sólidos;
  • Pack Urbano: estojo de cima, saco de tanque com fechadura de tanque e hub USB para carregar equipamentos eletrônicos;
  • Enduro Pack: faróis de LED adicionais, componentes Ducati Performance by Touratech: barras de proteção do motor, proteção para o refrigerador de água, protetor do cárter, base estendida para o pedestal lateral e cavaletes fora de estrada Sistema de Monitoramento da Pressão dos Pneus.

O novo sistema de monitorização da pressão dos pneus (TPMS) está disponível como acessório para todas as versões do Multistrada 1260. Depois de conectar os sensores à motocicleta, o TPMS permite que você visualize constantemente a pressão de ambas as rodas no painel TFT, permitindo o monitoramento constante da pressão dos pneus. O piloto é avisado em tempo real por um aviso no painel de instrumentos a que horas o sensor registra uma variação de pressão menor que 25% em comparação com a predefinida.

Quadro

A Multistrada 1260 é equipada com um novo chassi que usa um novo chassi e um braço oscilante mais longo. O ângulo de direção ganhou um grau de 24 ° a 25 °, enquanto o novo braço oscilante também é maior que 48 mm. Estas mudanças levaram a um aumento total da distância entre eixos de 55 mm e, juntamente com o novo caráter do motor e a nova configuração de suspensão, trouxeram a Multistrada 1260 para se tornar ainda mais agradável entre as curvas e o mesmo estável, mesmo com carga total com malas laterais e passageiro. O “esquema” adotado para a estrutura fornece uma estrutura dianteira com tubos de grande diâmetro e espessura reduzida, duas estruturas laterais fechadas por um elemento de rolamento traseiro feito de tecnopolímero cheio de vidro para máxima rigidez torcional. O braço oscilante de lado único foi obtido por meio de uma única carcaça fundida, com 4 núcleos colados no interior, depois usinados e pintados. O resultado é um componente lindamente esculpido, bonito e funcional, capaz de embelezar ainda mais a Multistrada 1260 e garantir excelente aderência à estrada.

Suspensões

A Multistrada 1260 fornece uma forquilha dianteira com hastes invertidas de 48 mm de diâmetro, pé de elenco dedicado, ajustável em todas as características (pré-carga da mola, freio hidráulico na extensão e compressão, tudo em ambas as hastes). Na parte traseira, um amortecedor Sachs conecta o braço oscilante à estrutura fundida esquerda: também é ajustável na pré-carga da mola remota com prensa hidráulica e nos freios de extensão hidráulicos e de compressão. A mola é progressiva, com o consequente aumento do conforto de condução, mesmo quando o veículo está totalmente carregado. As versões S da Multistrada 1260 estão equipadas com um garfo Sachs de 48 mm com bainhas nos característicos pés de cerâmica cinza e pés forjados e amortecedor traseiro, produzido pela Sachs; ambos são semi-activos e são controlados pelo sistema Ducati Skyhook Suspension (DSS) Evolution. Além de permitir o ajuste do freio hidráulico na compressão e extensão e da pré-carga da mola na parte traseira, automático e integrado no modo de pilotagem ou personalizável através do computador de bordo, o sistema semi-ativo controla continuamente para garantir o equilíbrio perfeito do veículo.

Ambas as suspensões têm um curso de 170 mm na parte dianteira e traseira, permitindo-lhe viajar em absoluto conforto, mesmo com as cargas mais altas e, acima de tudo, para enfrentar rotas off-road em total segurança. A sensação de conforto é aumentada nas versões S pela função do DSS Evolution que permite mudar a atitude da moto de uma forma prática e rápida, dependendo das várias configurações de condução e tipo de viagem: piloto único, piloto com malas, piloto com passageiro e piloto com passageiro e malas. As suspensões da Multistrada 1260 e da Multistrada 1260 e D | Air têm uma calibração interna revisada.

(VHC) O ABS que alimenta o Multistrada 1260 está equipado com o sistema de controle de retenção de veículo (VHC). Quando ativado, o sistema mantém o veículo imobilizado travando ativamente o travão traseiro (e desativa automaticamente após 9 segundos, se não for utilizado). O sistema permite ao usuário uma reinicialização mais confortável, tomando o cuidado de modular a pressão durante o início, deixando ao usuário apenas a tarefa de modular o gás e a embreagem. Esta função é ativada quando o usuário aplica uma pressão alta na alavanca do freio dianteiro ou no pedal do freio traseiro quando o veículo está parado e possui um suporte lateral retraído. Após a ativação, o sistema, baseado no estado do veículo, calcula e aplica pressão no sistema traseiro atuando na bomba e nas válvulas da unidade de controle do ABS. A ignição do sistema, que pode ser ativada em todos os níveis de ABS, exceto quando o ABS é desligado, é sinalizada pela iluminação de uma luz de advertência. A mesma luz de aviso começará a piscar quando o sistema estiver prestes a liberar a pressão no freio traseiro e depois parar de segurar o veículo: a diminuição da pressão ocorrerá gradualmente.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)