Novo Audi Q8 está disponível para encomendas na Europa

0
Postado 11 de julho de 2018 por bisponeto em Automóveis
O Audi Q8 combina o melhor de dois mundos – a elegância de um cupê de quatro portas de luxo e a conveniente versatilidade de um SUV de grande porte. O interior com dimensões generosas com compartimento de bagagens variável, sistema operacional de última geração, suspensão tecnológica e assistência inteligentes fazem do Q8 uma ótima companhia para negócios ou lazer. Com tração integral permanente quattro e uma altura livre do solo de até 254 milímetros, o SUV-cupê pode seguir sem ressalvas quando o asfalto termina. Fabricado na planta de Bratislava (Eslováquia), o Q8 já pode ser encomendado e estará disponível nas concessionárias em agosto na Europa.

Versátil, esportivo e elegante

Com 4.986 milímetros de comprimento, 1.995 de largura e 1.705 mm de altura, o novo Q8 exala esportividade e prestígio como nenhum outro SUV da marca. Sua linha de teto no estilo cupê aparenta ser muito mais baixa do que a do Q7. O carro é 66 mm mais curto, mas 27 mm mais largo que o “irmão”. A dianteira distinta, o balanço traseiro curto, a altura do solo de até 254 mm e as enormes rodas pintam um quadro de dinâmica poderosa.

Com entre-eixos de quase três metros, o Q8 oferece um amplo espaço para cinco ocupantes. O espaço interno excede o de concorrentes diretos em quase todas as dimensões relevantes. Os bancos dianteiros estão disponíveis com quatro tipos de design. No topo da gama estão os bancos S Sport e os de contornos customizados – este último com ventilação de série. Uma função de massagem está disponível para os dois modelos sob demanda. O sistema de banco traseiro tripartido é de série, com ajuste longitudinal como opcional.

Com seu grande compartimento de bagagens e espaço generoso de armazenamento dividido com bandejas, o Q8 é ideal para longas jornadas. O porta-malas comporta 605 litros e pode ter sua capacidade aumentada para até 1.755 litros com os assentos traseiros rebatidos. Duas bolsas de golfe podem facilmente ser armazenadas no SUV. A tampa traseira é operada eletricamente e há a opção de abertura e de fechamento por um gesto com o pé disponível. Outro opcional é a cobertura elétrica do compartimento, que retrai automaticamente nos trilhos quando a tampa traseira é aberta e se estende novamente quando fechada.

A nova “cara” da família Q: o design externo

O Q8 é um representante da linguagem de design progressiva que a Audi apresentou no novo A8. Contornos fortes e superfícies tensas e atléticas se convertem em uma sensação de poder, sofisticação e a dinâmica especial da tração integral nas quatro rodas. O Q8 interpreta essas características de sua própria maneira, como uma fusão entre um elegante cupê de luxo de quatro portas com um SUV de grande porte, e ecoa um ícone da marca: o quattro original.

Com a imponente grade Singleframe com design octogonal, o Q8 é a nova “cara” da família Q. Seis aletas cromadas verticais fazem a grade do radiador parecer ereta e sólida. Opcionalmente, uma máscara larga conecta a grade aos faróis. O spoiler e as grandes entradas de ar com contornos fortes também destacam a aparência agressiva.

Graças às portas sem molduras, a linha do teto do tipo cupê se estende visualmente ao longo da carroceria do veículo, terminando no longo spoiler de teto. A linha de teto arqueia-se ligeiramente na direção das colunas D, que são sustentadas por contornos largos e musculosos – reminiscentes do Audi quattro original. A linha do ombro deixa o SUV com uma aparência estivada, conectando elegantemente os potentes caixas de roda.

Proporções compactas esportivas combinadas com um teto muito baixo e uma janela plana formam a traseira. Um elemento estreito de alto brilho preto com uma faixa de luz integrada se estende entre as lanternas. Essa é uma característica dos principais modelos da Audi, acentuando a largura do Q8. A faixa cria uma assinatura independente de luz diurna ou noturna, assim como no quattro original. O difusor tem quatro aletas verticais e um cano de escapamento integrado em cada lado.

Veículo esportivo off-road: tração quattro e suspensão a ar

Audi é quattro e quattro é Audi – claro que isso se aplica, particularmente, ao Q8, o SUV de topo da marca. O diferencial central puramente mecânico transfere as forças do eixo dianteiro e traseiro em uma proporção 40:60 como padrão. Quando necessário, transfere a maior parte da força para o eixo com melhor tração.

A suspensão oferece uma contribuição crucial para a dirigibilidade esportiva, mesmo na versão mais básica. As suspensões de cinco braços na dianteira e na traseira são feitas de alumínio em sua maior parte. A relação de transmissão da direção progressiva torna-se cada vez mais direta à medida que o ângulo de esterçamento aumenta. Na versão de produção, o Q8 tem rodas de 19 polegadas com diâmetro de 20 mm, maiores que no Q7. Rodas com tamanho até 285/40 R22 estão disponíveis entre as opções. Freios a disco com pinças de alumínio fixas são montados no eixo dianteiro.

Para a configuração, os compradores do SUV-cupê podem escolher entre três versões. A suspensão com amortecedores é de série. Já a suspensão pneumática adaptativa com amortecimento controlado é um recurso opcional, com ajustes conforto ou esportivo. Ela pode ser ajustada para quatro modos por meio do sistema Audi drive select, variando a altura de da carroceria em até 90 mm. Alto conforto de condução e dirigibilidade ágil – a suspensão pneumática adaptável reúne os dois.

Outro opcional dinâmico do Q8 é o esterçamento de todas as rodas, que pode girar as rodas traseiras em até cinco graus. Em baixa velocidade, eles viram na direção oposta às rodas dianteiras, reduzindo o diâmetro de giro do SUV em um metro e aumentando ainda mais sua agilidade. Em alta velocidade, elas viram na mesma direção do eixo dianteiro, reforçando a estabilidade durante as mudanças de faixa.

O gerenciamento da suspensão adaptativa é integrado à unidade de controle da plataforma eletrônica do chassi. Os sistemas estão intimamente interligados e trabalham de maneira altamente coordenada com máxima precisão. O Audi Drive Select permite a seleção de sete diferentes perfis de condução, incluindo o programa off-road. Nesta opção, o Q8 se beneficia da tração quattro, dos balanços curtos e da grande altura em relação ao solo – que pode chegar a até 254 mm com a suspensão pneumática adaptativa e 220 mm com a suspensão padrão. A plataforma eletrônica do chassi captura o ângulo de inclinação do carro e exibe essas informações para o motorista no MMI. Em encostas íngremes, com mais de 6% de inclinação, o controle de descida em declive fornece suporte com frenagem automática. O sistema mantém a velocidade definida pelo motorista em um nível constante até um máximo de 30 km/h, permitindo que ele se concentre totalmente no terreno.

Motor eficiente: o 3.0 TDI com tecnologia híbrida leve (MHEV)

O sistema de tração do Q8 é forte e altamente eficiente ao mesmo tempo, graças à nova tecnologia híbrida leve (MHEV). Ela integra uma bateria de íons de lítio e um alternador de correia (BAS) em um sistema elétrico primário de 48 volts. A bateria recarregável fica localizada embaixo do piso do porta-malas e armazena 10 Ah de capacidade elétrica. O SUV pode se deslocar em velocidades entre 55 e 160 km/h com o motor desligado e, em seguida, o BAS reinicia o motor rápida e confortavelmente. Durante a desaceleração, o BAS pode recuperar até 12 kW de energia. O sistema start-stop começa a funcionar em 22 km/h.

Nos mercados europeus, o SUV será inicialmente lançado com motor 3.0 TDI, o Q8 50 TDI. O propulsor desenvolve 286 cv de potência e torque de 600 Nm. Com esse conjunto, o carro acelera de 0 a 100 km/h em 6,3 segundos e sua velocidade máxima é de 245 km/h. O 50 TDI oferece soluções sofisticadas para muitas tecnologias. O cárter e as cabeças dos cilindros possuem circuitos de refrigeração separados para que o nível de temperatura ideal possa ser definido em qualquer situação de condução. Canais fixos resfriam os pistões com óleo. Seus anéis e pinos são projetados para fricção mínima, enquanto a bomba de óleo é totalmente variável.

Rolamentos hidráulicos comutáveis conectam o motor à subestrutura do eixo dianteiro. Em marcha lenta, eles eliminam as vibrações com características suaves, enquanto que durante a condução suprimem as vibrações da unidade de potência com amortecimento maior – permitindo que o poderoso TDI forneça sempre uma condução altamente refinada.

A transmissão tiptronic de oito velocidades oferece trocas de marcha rápidas e suaves. Um amortecedor de vibração torcional, que age com base na velocidade do motor, compensa principalmente as vibrações para permitir uma condução eficiente, mesmo em rotações muito baixas. A ventilação especial permite o uso off-road. Com sua bomba de óleo elétrica, o tiptronic pode engatar a marcha necessária para a partida quando o motor estiver desligado.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)