Primeiro Honda Civic produzido no Brasil será exposto em museu

0
Postado 13 de dezembro de 2017 por bisponeto em Automóveis
A partir desta quarta-feira (13/12), o Honda Civic de chassi número 1, primeiro modelo produzido no Brasil há 20 anos, fabricado em 1997, estará em exibição para o público no MIAU – Museu da Imprensa Automotiva – localizado em São Paulo. A mostra, que ocorrerá entre os dias 13 e 17 de dezembro, é parte da comemoração dos 20 anos de produção nacional do modelo, completados neste ano.

Em 20 anos, o sedã médio da Honda introduziu no mercado nacional diversas inovações e tecnologias sendo um dos principais responsáveis pela construção da história e da imagem da Honda Automóveis no país.

Neste período, mais de 630 mil Honda Civic produzidos no Brasil chegaram às mãos dos consumidores, em cinco diferentes gerações, introduzindo novos parâmetros para a construção não só de sedãs, mas de automóveis no Brasil. Desde o início das vendas do modelo no país, somando os modelos importados, já foram comercializados mais de 650 mil Honda Civic, dos mais variados modelos.

Inovador à sua época

O primeiro modelo do Civic fabricado no Brasil foi um carro inovador para sua época e detentor de equipamentos diferenciados. Com o conceito de trazer versões completas o Civic lançado em 1997 oferecia ao consumidor tecnologias como suspensão independente, barras de proteção contra impactos laterais nas portas, um moderno motor com bloco e cabeçote em alumínio, dentre outros diferenciais de série, como direção hidráulica com regulagem de altura, vidros elétricos em todas as portas e abertura de porta-malas e tanque por dentro do veículo.

Nas versões mais completas, o Civic oferecia tecnologias de segurança como freios ABS e airbag duplo, bem como itens de conforto, como controle de cruzeiro e transmissão automática. Desde sua primeira geração vendida no Brasil, o Civic foi construído seguindo os padrões globais da marca de qualidade, tanto em componentes como no processo construtivo. Em 1999 o modelo receberia um leve facelift e mais equipamentos.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)