Metropolitano: Wilians Peres corre na Marcas “B” em Cascavel

0
Postado 3 de outubro de 2017 por bisponeto em Automobilismo
O piloto pinhaiense Wilians Peres (Suloy/Sintermetal/Wilians Peças para Motores) participa no fim de semana (6 a 8/10), da sétima etapa do Metropolitano de Curitiba 2017, que será disputada no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel (PR). A etapa valerá também pela terceira e última do Paranaense de Velocidade no Asfalto 2017. Pilotando o Gol n.º 128, com preparação da Abreu Motors, Wilians Peres vai em busca de duas novas vitória na categoria Marcas “B”, para confirmar que acharam o acerto ideal e seu carro continua rápido.

No treino classificatório da sexta etapa, o piloto Wilians Peres (Wilians Peças/Suloy/Sintermetal) marcou o tempo de 1min40s313, ficando com a pole position da categoria Marcas “B” e em 4.º lugar na Geral. Dada a largada para a primeira prova, às 9h35 de domingo, Wilians perdeu três posições na largada, caindo para o sétimo lugar, onde se manteve até a terceira volta. Na quarta volta, ganhou uma posição e na sétima volta era o primeiro colocado em sua categoria, em quinto lugar na Geral. E na 16.ª volta assumiu o quarto lugar na Geral, posição em que recebeu a bandeirada final. Ao fim de 20 voltas a vitória na Marcas “B” foi de Wilians Peres, com tempo total de 33min53s449, seguido de Lúcio Seidel, a 6s640, Eduardo Pavelski, 24s953, Samurai Sam, a 46s026, e, Alisson Nurnberg, a 1min06s820.

Wilians Peres (Suloy/Sintermetal/Wilians Peças) foi para a segunda prova às 14h20, largando mais uma vez na pole position, confiante em mais uma vitória, pois o rendimento do seu carro estava muito bom. Perdeu uma posição na largada, mas se recuperou na quarta volta, passando a “brigar” até pela segunda posição na Geral. Na 17.ª e 18.ª voltas, assumiu a 2.ª posição, atrás apenas do líder Magnabosco. Mas recebeu a bandeirada final em terceiro lugar na Geral. No fim de 20 voltas, Wilians Peres venceu na Marcas “B” do Metropolitano de Curitiba, com tempo total de 34min58s409, seguido de Rafael Barranco, a 5s058, Eduardo Pavelski, a 9s967, e, João Naumes, a 1min22s477. Wilians Peres marcou ainda a volta mais rápida das duas provas disputadas, na 5.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min40s394, à média de 131,547 km/h. Após verificação técnica, o carro de Wilians Peres foi desclassificado por ter o sistema de bobina do novo Gol G6.

“Finalmente conseguimos acertar o carro e nessas duas próximas corridas podem esperar que vamos para “brigar” pela vitória em todas as provas. Fui desclassificado por andar com o sistema de bobinas do novo Gol G6, com quatro bobinas e diferente do modelo antigo dos G3. Porém, são águas passadas, entrei com recurso e o resultado está sub-judice aguardando julgamento do TJD da FPrA. Nosso carro já foi totalmente revisado pela minha equipe e está pronto para a corrida em Cascavel, onde vou em busca de mais duas vitórias”, declarou Wilians Peres (Wilians Peças/Sintermetal/Motorbest).

– Classificação –

Com seis etapas realizadas e doze provas disputadas, a classificação do Metropolitano de Curitiba 2017, na categoria Marcas “B” é a seguinte: 1.º) Rafael Barranco (PR), com 210 pontos; 2.º) Eduardo Pavelski (PR), 144; 3.º) Gefferson de Lima (PR), 128; 4.º) Wilians Peres (PR), 119; 5.º) João Naumes/Alisson Nurnberg (PR), 102; e 6.º) Lúcio Seidel (SC), 65. No Paranaense de Velocidade a classificação na Marcas “B” é a seguinte: 1.º) Rafael Barranco (PR), 87; 2.º) Edson Bueno (PR), 54; 3.º) João Naumes/Alisson Nurnberg (PR), 40; 4.º) Eduardo Pavelski (PR), 37; 5.º) Gefferson de Lima (PR), 36; e 6.º) Wilians Peres (PR), 31. (Foto: Victor Lara).

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)