M-Benz mostra evolução tecnológica para a linha Atego na Fenatran

0
Postado 18 de outubro de 2017 por bisponeto em Caminhões
A linha de caminhões médios e semipesados Atego da Mercedes-Benz é reconhecida no mercado pela ampla versatilidade de uso nas mais diversas aplicações de transporte urbano, rodoviário e fora de estrada. É também uma linha cada vez mais sintonizada com as necessidades e exigências dos clientes, o que poderá ser verificado com os lançamentos da marca na Fenatran 2017, o maior e mais completo Salão de Transporte Rodoviário de Carga da América Latina.

No evento, serão apresentadas novidades como o novo câmbio totalmente automatizado Mercedes PowerShift G140-8K de 8 marchas e eixo HL-4 reforçado, de simples velocidade, para o Atego 2426 6×2, bem como a nova geração do Mercedes PowerShift para o Atego 2430 6×2 e o Atego 3030 8×2, com auxílio de partida em rampa e sensor de inclinação de via.

Também serão lançados um novo climatizador, painel de instrumentos com novas funções, EBD – sistema de distribuição da força de frenagem e ASR – controle de tração das rodas e novo sistema de basculamento da cabina. O Pacote Robustez recebeu novos itens para as severas aplicações mistas e fora de estrada. Além disso, a Mercedes-Benz destaca na Fenatran caminhões Atego customizados para demandas específicas dos clientes.

Mercedes-Benz lança novo câmbio automatizado

Na Fenatran, a Mercedes-Benz irá demonstrar que está expandindo cada vez mais a oferta de câmbios totalmente automatizados para maior opção de escolha pelos clientes. No caso da linha Atego, as novidades ficam por conta da inédita disponibilização do Mercedes PowerShift G140-8K de 8 marchas para o Atego 2426 6×2 e a nova geração do Mercedes PowerShift G211-12K de 12 marchas para os modelos Atego 2430 6×2 e 3030 8×2.

Esses dois câmbios automatizados Mercedes PowerShift estão equipados com sensor de inclinação de via e se destacam pela nova inteligência embarcada, o que proporciona um melhor ajuste de troca de marchas, tanto na regressão como na progressão, mais refinada. Com isso, o caminhão trabalha na marcha mais correta para cada situação de operação.

Outro benefício da nova inteligência, em ambos os câmbios, é a introdução do novo piloto automático, que oferece praticidade e economia no dia a dia da operação do caminhão. No piloto automático tradicional, a sua inteligência está configurada para o caminhão atingir a velocidade ajustada o mais rápido possível, ou seja, em máximo desempenho (“plena carga” no acelerador) aplicando-se o máximo torque e potência.

A nova versão está configurada para economia de combustível, isto é, o sistema reconhece as condições da pista (inclinação) e carga, por meio dos sensores do veículo, e ajusta a demanda de torque e potência do motor orientando-o para trabalhar economizando combustível. Um exemplo clássico disso: em um declive, ao invés de acelerar com plena carga para atingir a velocidade desejada o mais rápido possível, o sistema identifica a inclinação da pista e aproveita a inércia do veículo para atingir a velocidade desejada. Isso pode proporcionar até 1% de economia de combustível em relação ao piloto automático tradicional.

Os câmbios Mercedes PowerShift contam com três funções inteligentes que agregam mais desempenho, economia e conforto: Power, EcoRoll e Manobra. O “Power” oferece mais força quando necessário, fazendo a troca de marcha em rotações mais altas. O “EcoRoll” coloca a transmissão do veículo em neutro quando não há demanda de torque. Isso ocorre de forma segura e controlada, sem a intervenção do motorista, auxiliando na redução do consumo de combustível. Por sua vez, a função “Manobra” propicia um controle preciso do veículo na movimentação em pátios e manobras, contribuindo para maior segurança.

Além disso, o novo câmbio G140-8K de 8 marchas se caracteriza pelo excelente escalonamento de marchas, primeira reduzida com relação de transmissão 9,30 e última marcha overdrive de 0,79, em conjunto com o eixo traseiro Mercedes-Benz HL-4 reforçado, de simples velocidade, com relação de transmissão 4,3. Essa combinação resulta numa excelente capacidade de subida, com altas velocidades operacionais, tornando o Atego 2426 6×2 apto para trafegar nos mais diversos tipos de topografia e rodovias desse imenso País.

Mais novidades do Atego na Fenatran

Reafirmando o constante aprimoramento da linha Atego, a Mercedes-Benz apresentará na Fenatran mais novidades derivadas do ECONFORT. A linha Atego ganha um novo climatizador, mais compacto (75 mm mais baixo sobre o teto da cabina) e mais leve (menos 18 kg), porém com maior volume de água (mais 6 litros). Isso garante uma melhor aerodinâmica ao caminhão, com mais eficiência e economia, além de mais conforto para os ocupantes.

Os caminhões Atego ganham também um painel de instrumentos com novas funções: informações sobre pressão de turbina, tempo/consumo em marcha lenta, consumo em litros e alerta de velocidade. O painel disponibiliza informações em vários idiomas (português, inglês, espanhol, alemão e árabe), bastando configurá-lo no menu junto à tela. Essas novas características trazem vantagens como mais praticidade e melhor monitoramento do veículo.

A linha Atego também terá novas tecnologias de segurança, tanto para os modelos rodoviários, quanto fora de estrada. O HSA (Hill Start Aid) é um sistema que auxilia o motorista nas partidas em rampa. Neste caso, o caminhão fica com o sistema de freio acionado por até 3 segundos até que se acelere o caminhão.

Outra novidade é o EDB (Eletronic Brake Force Distribution), distribuição da força de frenagem. Com esse sistema de freio auxiliar, o veículo ganha mais segurança, além de maior durabilidade dos elementos de freio. Já o ASR (Anti Slip-Regulation) controla a tração das rodas do veículo, evitando que as mesmas patinem, aumentando a segurança e oferecendo uma melhor dirigibilidade para o motorista. O novo sistema de basculamento da cabina, mais simples e com menor número de componentes, é mais resistente e silencioso.

Novas cores trazem mais modernidade ao Atego

Na Fenatran, a Mercedes-Benz irá apresentar novas cores de cabinas do Atego, acompanhando as novas tendências de mercado, inclusive de automóveis, trazendo mais modernidade para essa linha de caminhões. Novas cores: Laranja Setter (metálica), Azul Griffon (metálica), Azul Rigel (metálica), Amarelo Lamec (sólida, com foco em modelos fora de estrada) e Cinza Galgon (metálica).

Pacote Robustez ganha novos itens – excelente solução para as demandas das severas operações mistas e fora de estrada. Item de série já conhecido no Atego 2730 6×4 off-road, o Pacote Robustez passa a ser disponível para a linha rodoviária Atego 4×2 e 6×2 nas cabinas Standard e Estendida.

O Pacote Robustez contempla o para-choque dianteiro tripartido, que permite ângulo de entrada maior, grade metálica de proteção do farol, nova posição da luz de seta, primeiro degrau da cabina em metal e nova posição do suporte para placa, visando facilidade de acesso ao engate do cambão. Além dessas características, os caminhões Atego podem ser configurados com os pneus 295/80R22.5, mais altos.

Na Fenatran, o Atego 1719 estará equipado também com protetor de cárter do óleo e filtro de ar de admissão do motor, molas traseiras trapezoidais curtas reforçadas e bloqueio de diferencial. Essa novidade da linha Atego é fruto da parceria da Mercedes-Benz com a Via Lácteos, empresa referência nacional no transporte de leite, que trouxe a ideia que resultou na disponibilização de um Pacote Robustez para toda a linha Atego 4×2 e 6×2, atendendo também outras aplicações. O cliente solicitou um caminhão que fosse robusto na atividade fora de estrada e que assegurasse, ao mesmo tempo, agilidade, conforto e segurança para o motorista nas cidades e nas estradas.

M-Benz amplia portfólio do Atego

A linha de caminhões Atego também oferece outras soluções vocacionadas para demandas de segmentos específicos de transporte. Entre elas, o Atego 2730 6×4 para severas aplicações da construção civil e do agronegócio. É uma solução de conforto, robustez e confiabilidade da marca para aplicações fora-de-estrada. Por trabalharem nesses tipos de terrenos, este modelo oferece o bloqueio de diferencial longitudinal e transversal. Assim, o caminhão trabalha em tração máxima, ideal para operação em terrenos de baixa aderência e vias não pavimentadas. Também está equipado agora com um protetor de cárter de óleo do motor e o filtro de ar de admissão, protegendo estes itens vitais do caminhão. O Atego 2730 6×4 está disponível ao mercado em três versões: plataforma, basculante e betoneira.

Outro destaque é o Atego 1719 para coleta de lixo, que permite o uso de compactadores de 15 metros cúbicos. Com novo eixo de 2 velocidades, mais robusto que a versão anterior, e entreeixos de 3.600 mm, essa versão do Atego 1719 vem equipada com o motor OM 924 de 4 cilindros com 185 cv de potência e 700 Nm de torque.

O grande destaque do Atego para a coleta de lixo é o seu trem de força, o mais robusto do mercado. A embreagem de 395 mm oferece maior vida útil. Já a caixa de câmbio Mercedes-Benz G-60, com relação de primeira marcha de 9,2, e o eixo traseiro de alta capacidade de carga e de 2 velocidades, proporcionam ao veículo uma altíssima capacidade de subida. Além do desempenho e robustez, esse conjunto de trem de força garante baixa manutenção, maior disponibilidade do veículo e mais produtividade, com menor custo de manutenção e com baixo consumo de combustível, proporcionando mais economia.

O Atego coletor de lixo já vem com alguns itens próprios da aplicação, como escape vertical, tomada de força no motor e suspensão com molas curtas, entre outros. Além disso, se caracteriza pelo chassi robusto sem emenda atrás da cabina, suspensão da cabina de quatro pontos para maior conforto e melhor isolamento de vibrações e absorção de impactos, freio a tambor com regulador automático de lonas e banco central na cabina para um segundo acompanhante.

Atego 1725 4×4 para exportação é solução customizada

O desenvolvimento de um caminhão Atego que assegure mais robustez que um modelo rodoviário e mais conforto na comparação com um fora de estrada é fruto da customização de veículos oferecida pela Mercedes-Benz aos clientes. Sob coordenação da área de Custom Tailored Trucks (CTT), o trabalho de customização conta com o envolvimento de profissionais de Engenharia, Produção, Vendas, Marketing, Controlling e Peças & Serviços. Além disso, soma-se a participação de clientes, o que potencializa a geração de soluções para demandas específicas de empresas parceiras desde o início do desenvolvimento.

Uma solução gerada pelo CTT ganhará destaque na Fenatran, com a exposição de uma versão do Atego 1725 4×4 para exportação, customizado para qualquer condição e terreno. Entre as adequações realizadas nesse caminhão de tração total incluem-se: tomada de força original da Mercedes-Benz na traseira do motor, escape vertical, pneus especiais 365/85 R 20 de uso militar e iluminação externa de emergência do tipo “giroflex”, conforme solicitado por clientes de diversos mercados.

Linha Atego assegura ampla versatilidade

A linha Atego é formada pelo caminhão médio 1419, pelos semipesados 1719, 1726, 1726 4×4, 1729, 1730, 2426 6×2, 2430 6×2, 3026 8×2 e 3030 8×2 e pelo off-road 2730 6×4, versões plataforma, basculante e betoneira. Conforme o modelo, são oferecidas quatro opções de cabinas (Standard, Estendida, Leito Teto Alto, Leito Teto Baixo) e até quatro versões de entreeixos (dependendo do modelo), o que se traduz em amplas possibilidades de configuração para atender a todas as demandas dos transportadores.

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)