Volkswagen acelera a produção do Novo Polo

0
Postado 4 de setembro de 2017 por bisponeto em Automóveis
Após anunciar o investimento de R$ 2,6 bilhões para o desenvolvimento e a produção do Novo Polo e do sedã Virtus na unidade Anchieta, em São Bernardo do Campo, a Volkswagen do Brasil traz mais uma boa notícia: até o final do ano de 2017, unidade paulista voltará a operar em três turnos de produção.

O retorno da produção em capacidade total será gradual, acompanhando a curva de aceleração de produção do modelo: em agosto, a fábrica voltou a operar cinco dias na semana, encerrando antecipadamente a utilização do PSE (Programa Seguro Emprego).

As importantes medidas de flexibilização de trabalho, como PSE, férias coletivas e layoff, utilizadas pela empresa nos últimos meses, visam a proteção dos empregos, principalmente em tempos de retração de mercado, e garantem uma maior flexibilidade na produção.

Em agosto, além de voltar a operar em cinco dias na semana, a fábrica Anchieta também deixou de produzir o Gol para dar a exclusividade da fabricação do modelo a Taubaté. A Saveiro continua a ser produzida na unidade de São Bernardo do Campo.

“Dessa forma, conseguiremos ter ainda mais produtividade em nossas unidades, com um maior foco logístico e maior eficiência”, afirma David Powels, Presidente e CEO da Volkswagen do Brasil e América do Sul.

“As medidas de flexibilização para administração do efetivo, asseguradas pelos acordos firmados com os sindicatos em todas as nossas fábricas, são importantíssimas e nos permitem responder adequadamente às variações de mercado”, reforça o Vice-Presidente de Recursos Humanos da Volkswagen do Brasil, Nilton Junior.

O Novo Polo começou a ser produzido em agosto desse ano e gradualmente tem acelerado sua produção, graças à grande expectativa dos concessionários e dos consumidores para a chegada do produto às lojas, o que ocorrerá em novembro desse ano.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)