Fábio Fogaça leva Mitsubishi à vitória na Copa Petrobras

0
Postado 18 de novembro de 2012 por bisponeto em Automobilismo
Foi um dia de feitos inéditos para o piloto Fábio Fogaça. Na primeira vez que andou nos 3.055 metros do Autódromo de Londrina, o filho do ex-piloto Djalma Fogaça ganhou sua primeira corrida na Copa Petrobras de Marcas e ainda levou o Mitsubishi Lancer GT a uma inédita vitória em 2012. Esse grande número de fatos novos foi conquistado na segunda prova – a primeira teve André Bragantini como ganhador -, disputada na tarde deste domingo (18/11) no encerramento da sétima rodada dupla da categoria.

Na briga pelo título, com o abandono do líder Ricardo Maurício e os pontos conquistados pelos que vinham atrás, a decisão ficou mesmo para Curitiba. Para esquentar mais ainda a disputa, o fechamento da temporada terá pontos em dobro. Assim, estarão em jogo 100 pontos nas duas corridas na capital paranaense.

“Sem dúvida que a primeira vez a gente nunca esquece, ainda mais com tantos motivos como esses. Sei que fiz uma boa corrida e guiei tudo o que podia o tempo todo, pois atrás de mim estava um piloto experiente como o Diego Nunes e que disputou a posição de maneira limpa, o que é importante”, disse Fábio, que no final da corrida recebeu um abraço do emocionado pai, Djalma, conhecido como Caipira Voador e com passagens por grandes categorias nacionais.

Os pontos dobrados em Curitiba e devido ao abandono de Ricardo Maurício (Honda Civic) levaram Diego Nunes, o segundo colocado na 14ª corrida da temporada da Copa Petrobras de Marcas, a não forçar mais sobre Fábio Fogaça. “Deixei para arriscar tudo em Curitiba, principalmente depois que vi que o Ricardinho tinha abandonado a prova. A decisão será lá!”, disse o piloto do Toyota Corolla XRS.

Fábio Fogaça largou na pole quando não esperava mais. O resultado final da primeira bateria tem a inversão de posição dos oito primeiros e ele tinha terminado em nono lugar. No entanto, Felipe Gama (Honda Civic), que era o oitavo, foi punido com 20 segundos no tempo final devido à atitude antidesportiva, caiu para o décimo lugar e perdeu a oportunidade de largar na pole position, que ficou com Fogaça.

Com os resultados desta sétima rodada dupla e a pontuação dobrada nas duas corridas finais, o campeonato está totalmente aberto, com 12 pilotos com condições matemáticas de chegar ao título de 2012. Até mesmo Serafin Jr. e Vitor Meira, que estão empatados em 12º na classificação geral, mantêm chances. Todos os que continuam na briga já fizeram os dois descartes obrigatórios e têm a pontuação real.

Os doz primeiros no campeonato de pilotos:

1.º) Ricardo Maurício (Honda Civic), 182;
2.º) Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), 173;
3.º) Diego Nunes (Toyota Corolla XRS), 160;
4.º) Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), 145;
5.º) André Bragantini (Honda Civic), 141;
6.º) Felipe Maluhy (Mitsubishi Lancer GT), 134;
7.º) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), 123;
8.º) Juliano Moro (Honda Civic), 116;
9.º) Fábio Fogaça (Mitsubishi Lancer GT), 104;
10.º) Thiago Camilo (Chevrolet Cruze), 101.

Entre as marcas, a Toyota assumiu a ponta com 472 pontos seguida pela Honda (410), pela Mitsubishi (299), pela Chevrolet (217) e pela Ford, com 204.

Resultado da 14ª corrida da temporada da Copa Petrobras de Marcas:
1.º) Fábio Fogaça (Mitsubishi Lancer GT), 32min37s941, média de 129,19 km/h;
2.º) Diego Nunes (Toyota Corolla XRS), a 0s342;
3.º) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), a 0s723;
4.º) Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), a 2s912;
5.º) Denis Navarro (Toyota Corolla), a 7s261;
6.º) Vitor Meira (Ford Focus), a 8s328;
7.º) Vicente Orige (Chevrolet Cruze), a 8s689;
8.º) Claudio Capparelli (Chevrolet Cruze), a 21s066;
9.º) Serafin Jr. (Ford Focus), a 33s870;
10.º) Carlos Padovan (Mitsubishi Lancer GT), a 37s578;
11.º) Felipe Maluhy (Mitsubishi Lancer GT), a 1min15s544;
12.º) Marcelo Lins (Ford Focus), a 1min21s118.

A Copa Petrobras de Marcas é uma realização da Vicar Promoções Desportivas, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). A Petrobras assina a competição, que tem patrocínio de Pirelli e apoio de Ecopads, Fremax, Lubrax, Motec e Transzero. Mais informações no site www.brasileirodemarcas.com.br.

Fotos: Duda Bairros e Bruno Terena.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)