Volksbus leva novidades para a FetransRio 2012

0
Postado 4 de outubro de 2012 por bisponeto em Salões
A MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e caminhões MAN, apresenta o mais novo integrante da família Volksbus, o chassi 17.260 OD, na 9ª Feira Rio Transportes – FetransRio, que acontece de 3 a 5 de outubro no Rio de Janeiro. Também estará exposto o VW 17.230 OD V-Tronic, primeiro ônibus urbano Euro 5 com transmissão automatizada do País. Completam a mostra o chassi para microônibus VW 9.160 OD, os modelos VW 15.190 OD e VW 17.280 OT versão piso baixo (Low Entry), equipados com motor MAN D08, o Volksbus 18.330 OT e o Volksbus articulado 26.330 OTA, ideal para aplicações em corredores troncais e sistema BRT (Bus Rapit Transit), além do MAN Lion´s City Hybrid, apresentado na convenção ambiental Rio+20 em junho passado na capital fluminense.

A FetransRio será palco para apresentação das principais tecnologias em prol da mobilidade urbana inteligente e a MAN Latin America está preparada para atender os principais sistemas de transporte público do Brasil, como os inúmeros projetos de BRT e BRS (Bus Rapid Service), impulsionados pelos programas de desenvolvimento do governo, como o PAC da Copa e o PAC da Mobilidade Urbana, além do  atendimento aos principais eventos do Brasil nos próximos anos: a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

“Novos produtos e competidores passaram a fazer parte do mercado e precisamos estar cada vez mais preparados. Por isso, a MAN Latin America oferece soluções inovadoras, visando contribuir para um transporte mais inteligente e sustentável no Brasil, impulsionado pelos programas de desenvolvimento do Governo para os próximos anos”, diz Ricardo Alouche, diretor de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Latin America.

EGR: elogios de frotista

O novo Volksbus 17.260 OD é o único chassi com motor dianteiro de seis cilindros do mercado que não necessita de ARLA 32. Isso porque o modelo conta com o exclusivo MAN D08 com seis cilindros e 260 cv, que utiliza o sistema EGR (Recirculação de Gases de Exaustão) de pós-tratamento de emissões, que dispensa o uso da ureia.

A MAN Latin America é também a única montadora no Brasil que oferece a tecnologia, que já é um grande sucesso entre os clientes da marca. E são os próprios frotistas que comprovam a eficiência da tecnologia para veículos médios. João Batista Costa, diretor presidente do Grupo Del Rey, afirma que os dez ônibus VW 17.230 OD com tecnologia EGR que já compõem a frota da empresa têm apresentado desempenho significativo. “O consumo tem sido semelhante aos veículos Euro 3, e a dispensa do ARLA 32 é uma enorme vantagem operacional”, relata.

Além da tecnologia EGR, o chassi VW 17.260 OD conta com o exclusivo sistema de freio motor EVB (Exhaust Valve Brake), que proporciona maior poder de frenagem, garantindo segurança e reduzindo os custos de manutenção.

O modelo é apresentado como uma excelente opção aos frotistas em um mercado cada vez mais competitivo. Sua motorização o torna perfeito para aplicações de fretamento, pois grande parte dos ônibus são equipados com sistema de ar condicionado e outros recursos que utilizam parte da potência do motor. Além disso, o veículo pode ser utilizado em operações urbanas com grande volume de passageiros, más condições das vias e topografia acidentada, que exigem mais potência e torque elevado.

V-Tronic, novos motores e MAN híbrido

            Outro destaque da empresa é o modelo VW 17.230 OD V-Tronic. De forma inovadora, a MAN Latin America é a primeira montadora a oferecer a opção automatizada para veículos urbanos. Com mais de 2 mil unidades vendidas em pouco mais de três anos de vendas, a tecnologia quebrou um paradigma no transporte urbano de passageiros, em que os operadores só adquiriam veículos com padrão de tecnologia além do necessário por imposição dos órgãos gestores de transporte.

A linha V-Tronic une as vantagens das caixas mecânicas com as das automáticas. Os veículos são equipados com câmbio de acionamento mecânico, mas sem alavanca de mudança de marchas e sem o pedal de embreagem. Para o motorista, é como dirigir um ônibus automático, e para o frotista as operações de manutenção são as mesmas de uma caixa de câmbio mecânica. As opções oferecidas ao mercado são os modelos VW 17.230 OD V-Tronic, com motorização dianteira, e o 17.280 OT V-Tronic, com motor traseiro.

Também estarão expostos os modelos VW 9.160 OD e VW 15.190 OD. Reconhecidamente a melhor opção do segmento, o VW 9.160 OD incorpora uma série de inovações, como o novo motor Cummins ISF de 3,8 litros e sistema de pós-tratamento de emissões (SCR) baseado na utilização de ARLA 32, aliado à caixa de transmissão ZF 5S 420 de cinco marchas. Tudo isso se traduz em robustez, durabilidade e flexibilidade. Já o Volksbus 15.190 OD está equipado com motor MAN D08 de quatro cilindros com dois estágios de sobrealimentação (dois turbocompressores), sistema de injeção Common Rail e tecnologia EGR, a fim de oferecer excelente desempenho mesmo em baixas rotações.

O Volksbus 17.280 OT, chassi com motor traseiro, está equipado com motor MAN D08 de seis cilindros com 280 cv e torque de 1.050 Nm. Preparado para receber carrocerias de até 13,2 metros, o modelo conta com a opção de piso normal e entre-eixo de 3.000mm, ideal para fretamento e rodoviário de curta distância, que permite a instalação de bagageiro passante; e a opção de piso baixo (Low Entry) caracterizada pela operação com alta demanda de passageiros, atendendo aos requisitos de linhas alimentadoras em grandes cidades do Brasil. O modelo conta com três opções de caixa de transmissão: mecânica, automática e automatizada V-Tronic.

Exposto na Rio+20, conferência sobre desenvolvimento sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU) realizada em junho passado no Rio de Janeiro, o ônibus híbrido Lion’s City, da marca MAN, também estará na FetransRio. Já disponível na Europa, o veículo não impressiona só por seu design: para a partida, utiliza somente energia elétrica, eliminando a produção de fumaça e diminuindo o barulho.

A tecnologia híbrida pode gerar uma redução de até 30% no consumo do combustível e de emissões de CO2. A energia elétrica é gerada com a frenagem do veículo e utilizada na partida, a partir do mesmo conceito de recuperação da energia cinética (KERS) utilizado nos carros da Fórmula 1.

Para entender melhor como a tecnologia pode ser aplicada no Brasil, a MAN Latin America está planejando testes com esse veículo em aplicações reais em diversas cidades do Brasil. Com os estudos sobre mais esse veículo com baixo nível de emissões de carbono, a empresa amplia seu portfólio sustentável e se prepara para o futuro do transporte.

Atenção à mobilidade urbana

Com o Volksbus 26.330 OTA articulado, a montadora oferece o veículo ideal para o transporte coletivo em corredores de transporte BRT. O novo modelo foi apresentado com exclusividade à imprensa especializada em novembro de 2010 durante a feira FetransRio, e a partir de 2012 tornou-se mais uma opção no transporte urbano. O chassi é equipado com motor Cummins ISL de 330 cv e 1450 Nm de torque com tecnologia SCR, e é dotado de uma articulação leve, eficiente e de manutenção reduzida. Oferece a robustez necessária para aplicações de alto volume de passageiros, permitindo carrocerias de até 18,6 metros de comprimento.

Para o segmento rodoviário, a montadora oferece o modelo 18.330 OT. Um dos veículos mais robustos da categoria, vem equipado com motor Cummins ISL de 330 cv de potência e 1300 Nm de torque. Conta ainda com tecnologia SCR de tratamento dos gases de escape, com utilização de ARLA 32.

O Bus Rapid Transit (BRT) é um sistema de transporte que proporciona mobilidade por meio da prioridade ao tráfego de ônibus nas grandes cidades. Linhas troncais ligando centros comerciais ao bairro e abastecidos por linhas alimentadoras e distribuidoras tornam um sistema BRT completo com características similares em desempenho e conforto aos modernos sistemas de transporte sobre trilhos. Dentre as principais características são destaque a alta capacidade de transporte com ônibus articulados, espaço viário dedicado e exclusivo, estações acessíveis que oferecem acesso em nível, controle e cobrança tarifária antes do embarque. Diversas cidades no mundo já comprovaram os benefícios deste sistema de transporte.

Mais de 3 mil km percorridos pelo Rota Volkbus

Em sua segunda edição, o Rota Volksbus, maior programa itinerante de demonstração de ônibus do País, já percorreu, desde agosto, mais de três mil quilômetros entre os Estados de São Paulo e Minas Gerais. Duas rotas, com cinco ônibus cada uma, levarão a mais de 500 clientes em 107 cidades do Brasil as novidades sobre a linha Volksbus 2012, tecnologias SCR e EGR e soluções para projetos BRT e BRS. Além disso, poderão realizar um exclusivo test drive com todos os modelos participantes do programa.

Definidos a partir de pesquisas de mercado, os veículos do Rota Volksbus 2012 – VW 18.330 OT, W 9.160 OD, VW 15.190 OD, VW 17.230 OD V-Tronic e o VW 17.230 OD foram escolhidos estrategicamente, levando em consideração as aplicações com maior abrangência nas regiões por onde o programa irá passar.

Em praças como Curitiba (PR), Salvador (BA), Recife (PE), Belo Horizonte (MG) e Goiânia (GO), onde existe uma demanda por projetos de BRT (Bus Rapid Transit) ou corredores, nos quais serão utilizados veículos articulados, o modelo VW 26.330 OTA articulado será apresentado. Em algumas cidades como São Paulo (SP), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ) e Joinville (SC), são utilizados ônibus de piso baixo. Nessas praças, o modelo VW 17.280 OT low entry também será mostrado e poderá ser testado pelos clientes.

Conheça a linha completa Volksbus 2012

 

VW 5.150 OD: Com um moderno motor Cummins ISF de 3,8 litros e sistema de pós-tratamento de emissões (SCR) baseado na utilização de ARLA 32 (AdBlue), o modelo é ideal para o transporte escolar, shuttle de empresas de turismo e também em auto escola, como veículo para formação de condutores.

Características como eixo traseiro de rodado simples e alavanca de troca de marchas no painel, o colocam como potencial concorrente ao segmento hoje atendido por vans porém com maior capacidade de passageiros (em média 30%), maior conforto,  segurança e durabilidade.

Entre os aspectos que auxiliarão na produtividade do condutor, o modelo apresenta ainda novas propostas para o aumento do conforto do motorista, com a redução do esforço no acionamento das marchas e aspectos ergonômicos que visam reduzir a fadiga no dia a dia de trabalho.

VW 8.160 OD: Extremamente competitivo no segmento de micro-ônibus, o Volksbus 8.160 OD utiliza motor Cummins ISF com tecnologia SCR de tratamento dos gases de emissão e caixa de transmissão ZF, consagrados pela sua robustez.

Com entre-eixo de 3.900 e PBT de 8.150 kg, o Volksbus 8.160 OD é recomendado para uma ampla variedade de aplicações, incluindo ônibus escolares, transporte de aeroportos e linhas de ônibus urbanos de pequeno e médio volume.

VW 9.160 OD Plus: Reconhecidamente a melhor opção do segmento, o modelo incorpora uma série de inovações. O novo motor Cummins ISF de 3,8 litros e sistema de pós-tratamento de emissões (SCR) baseado na utilização de ARLA 32 (AdBlue), aliado a caixa de transmissão ZF 5S 420 de cinco marchas garantem ao veículo atributos como robustez, durabilidade e flexibilidade. O novo sistema de troca de marchas por cabos garante ao veículo maior precisão nos engates, menor esforço nas trocas de marchas e consequentemente maior ergonomia e conforto ao motorista.

O painel de instrumentos é totalmente novo e com layout mais agradável, o que proporciona maior harmonia com o painel desenvolvido pelos encarroçadores. Além disso, incorpora uma série de itens que auxiliam o motorista durante a operação. O modelo 9.160 OD Plus conta com entre eixo de 4.300 mm, eixo traseiro Meritor e PBT de 9.200 kg.

VW 15.190 OD: Ideal para o transporte urbano em linhas distribuidoras, operando como midibus ou fretamento de curtas e médias distâncias, o Volksbus 15.190 OD passa a contar com um novo conjunto powertrain com excelente compromisso entre desempenho e custo operacional.

Equipado com motor MAN D08 de quatro cilindros, que apresenta moderna tecnologia, garantindo a conformidade com o Proconve P7. Desenvolvido exclusivamente para a aplicação ônibus, o motor é equipado com dois estágios de sobrealimentação (2 turbocompressores), sistema de injeção Common Rail e tecnologia EGR, a fim de oferecer excelente desempenho mesmo em baixas rotações.

Além da motorização, o modelo incorpora nova embreagem com 395 mm de diâmetro e caixa de transmissão ZF 6S 1010 de seis velocidades com servo assistência e transmissão por cabos, o que garante maior conforto e durabilidade de todo o conjunto. Novas funcionalidades eletrônicas foram incorporadas ao veículo e o novo painel de instrumentos proporciona uma série de itens a fim de ajudar o motorista durante a operação.

VW 17.230 OD: Desenvolvido para suportar as severas operações do transporte urbano e também como excelente solução ao serviço de fretamento, o novo Volksbus 17.230 OD alia a tecnologia de um motor MAN aplicado com sucesso em diversos lugares no mundo, a robustez e a confiabilidade já reconhecidos do modelo.

O motor MAN D08 de quatro cilindros com dois estágios de sobrealimentação (2 turbocompressores) e sistema de injeção Common Rail garantem torque e potência equivalente ao seu antecessor. Com polia adicional de série e pacote de arrefecimento reposicionado, facilita o trabalho do encarroçador na instalação de carrocerias equipadas com ar condicionado.

O MAN D08 conta ainda com exclusivo sistema EVB (Exhaust Valve Brake) que proporciona maior poder de frenagem, proteção do freio de serviço, redução dos custos de manutenção e maior segurança de operação, gerando até 170 cv de potência de frenagem. Este sistema aproveita tanto a compressão como a descompressão no ciclo de frenagem, aumentando o desempenho do freio motor em até 65% quando comparado com o sistema equipado somente com a válvula borboleta no sistema de exaustão.

Para atendimento do PROCONVE P-7, o motor está equipado com tecnologia EGR, que garante melhor aproveitamento do espaço do chassi, já que não exige a instalação de tanque adicional, nem de unidade dosadora de ARLA 32 e nem catalizador especial para ureia, sendo assim, além de não interferir no encarroçamento do véiculo, ainda resulta em um veículo 200 kg mais leve que o concorrente direto.

O modelo ainda incorpora embreagem de maior diâmetro, com 395 mm de diâmetro, e caixa de transmissão ZF 6S 1010 de seis velocidades com servo assistência e transmissão por cabos, o que garante maior conforto e durabilidade de todo o conjunto. O modelo será oferecido também na versão V-Tronic, equipado com transmissão automatizada, com todos os atributos relacionados a custos operacionais já reconhecidos pelo mercado.

O novo painel de instrumentos e as novas funcionalidades eletrônicas também foram incorporadas ao modelo. Através da ferramenta de diagnóstico VCO e  parametrização via MCO é possível configurar algumas funções do motor, o que garante a otimização da operação para cada tipo de aplicação.

VW 17.260 OD: O modelo conta com motorização MAN D08 de seis cilindros com 260 cv e torque de 900 Nm com faixa plana a partir de 1100 rpm. O chassi conta ainda com o exclusivo sistema de freio motor EVB (Exhaust Valve Brake) que proporciona maior poder de frenagem, garantindo segurança e reduzindo os custos de manutenção. O modelo é perfeito para aplicações fretamento que veem nos ônibus com motorização dianteira uma solução para a sua aplicação, especialmente devido ao seu menor investimento inicial e custos operacionais menores em comparação aos modelos de motor traseiro.

Para esta aplicação específica, potência maior é sempre bem vinda, tendo em vista que grande parte dos ônibus são equipados com sistemas de ar condicionado e outros recursos que “roubam” potência do motor. Além disso, o veículo pode ser muito bem utilizado em operações urbanas que sugerem grande volume de passageiros, más condições das vias e topografia acidentada, que exigem mais potência e torque elevado.

VW 17.280 OT: Ideal para as aplicações de fretamento e rodoviário de curta distância, bem como aplicações urbanas com alta demanda de passageiros, seja para aplicação com piso normal ou mesmo piso baixo (Low Entry), o Volksbus 17.280 OT vem agora equipado com novo conjunto powertrain para atendimento a todos os tipos de aplicação.

O motor MAN D08 com 6,8 litros, seis cilindros e 280 cavalos de potência conta com tecnologia de recirculação de gases de exaustão (EGR). Assim como no modelo quatro cilindros, o modelo conta com dois estágios de sobrealimentação (2 turbocompressores) e sistema de injeção Common Rail, que garantem excelente desempenho mesmo em baixas rotações.

A nova transmissão mecânica ZF 6S 1010 de seis velocidades com servo assistência e transmissão por cabos, garante maior conforto ao motorista e maior durabilidade a todo o conjunto. É oferecido também a caixa de transmissão automática ZF 6HP 502C e o modelo na versão V-Tronic, equipado com transmissão automatizada e com todos os atributos já reconhecidos pelo mercado. Ideal para carrocerias de até 13,2 metros o modelo é oferecido com entre eixo de 6.000 mm na versão urbana de piso normal de 3.000 na versão de piso baixo (Low Entry) e na versão de fretamento. Neste último, permitindo a instalação de bagageiro passante.

VW 18.330 OT: A opção rodoviária vem equipada com motor Cummins ISL de 8,9 litros e 330 cavalos de potência, que trabalha com tecnologia SCR e utiliza ARLA 32 para atender os limites de emissões do PROCONVE P7. Conta com caixa de transmissão Eaton FSBO 9406 AE com servo assistência, o que garante facilidade nas trocas de marchas e maior conforto ao motorista. O modelo apresenta ainda retarder Voith VR 123 como opção, o que garante maior durabilidade ao sistema de freios e maior segurança em aplicações com alta exigência do sistema de freios.

O desenvolvimento de diversos outros componentes do trem de força focados no aumento de durabilidade, como cardan e eixo diferencial, fazem desse modelo um dos mais robustos da categoria. A eletrônica embarcada, marca dessa nova linha, está presente em diversos aspectos do desenvolvimento. O design do novo painel beneficia a ergonomia e os novos indicadores permitem o controle mais eficiente das funções do veículo. De forma mais discreta, novas funcionalidades auxiliam na forma adequada de condução e controle.
O condutor foi beneficiado com a implementação de itens como mudança de marchas por cabos e transmissão servo-assistida, para o conforto e redução de fadiga em condições de operação.

VW 26.330 OTA: Dotado de uma articulação leve, eficiente e de manutenção simplificada, preparado para carrocerias de até 18,6 metros de comprimento, o produto é uma solução com relação custo-benefício diferenciada e de acentuada produtividade, especialmente graças ao novo motor Cummins ISL de 8,9 litros. A nova transmissão ZF Ecolife permite a programação de condições de rota de acordo com a aplicação, garantindo a previsibilidade da condução do veículo e aumento da durabilidade dos componentes.

Os detalhes construtivos e os intensos estudos de engenharia realizados oferecem a robustez necessária para aplicações de alto volume, como as dos corredores troncais e sistemas BRT.


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)