Ases do Volante

Ford Galaxie caça Carroça

0
Postado 26 de outubro de 2012 por bisponeto em Colunas
No recente Encontro de Veículos Antigos realizado em Antonina (PR), numa promoção do MP Lafer Auto Clube do Paraná, de 20 a 22 de julho, aconteceram vários fatos inéditos e interessantes. Pela vez primeira, por exemplo, foi levado ao evento um automóvel Ford GT 40 novíssimo, uma das estrelas da festa. O antigomobilista curitibano Marcos Vinicius Conte, como sempre faz, esteve presente somente que, desta vez, levou duas Cadillac conversíveis que constituíram-se numa das maiores atrações. O número de veículos expostos na avenida foi o maior em onze anos de história do encontro.

Em meio a isso tudo, lá estava, pela vez primeira também, uma carroça de quatro rodas da década de 1950, levada pelo antigomobilista Luiz Henrique Withers, Coordenador do evento e que adquiriu o veículo na cidade de Santa Cecília, em Santa Catarina e decidiu preserva-lo. Tal carroça permaneceu estacionada sobre o passeio logo no início da avenida onde os veículos motorizados estavam expostos e se transformou numa grande atração do público também, pois, por incrível que pareça, é vasto o número de pessoas, sobretudo as mais jovens moradoras em grandes cidades, quenunca viu ao vivo tal coisa.  Muita gente queria saber como funcionava aquilo, como era o freio e outros itens. Durante grande parte do tempo a velha carroça chegou até a ser usada como bar.

Mas, o mais inédito ainda nesses onze anos do evento, estava por acontecer, tendo como figura principal a carroça. Ao final da tarde de domingo, dia 22, encerrado oficialmente o evento, alguns integrantes do MP Lafer resolveram dar um descanso a si mesmos e foram ao restaurante do Clube Náutico de Antonina, à beira da baía. Ali, diante de panorama maravilhoso constituído por barcos veleiros ancorados e antigos prédios da cidade, bebericaram, comeram empadinhas e avaliaram o resultado do extenuante trabalho realizado durante três dias seguidos. Resolveram então por volta das 20 horas, encerrar a noite numa pizzaria central e, a caminho desta, Luiz Henrique, com mais quatro pessoas, dirigindo um Ford Galaxie 1973, achou por bem dar uma olhada na sua carroça. Surpresa: o veículo não estava mais no local! Começou então uma verdadeira caça à carroça pelas ruas da cidade.

Policiais da Delegacia local foram mobilizados, pergunta daqui, pergunta dali, percorre-se péssimas ruas de bairros mais distantes com o Galaxie aos solavancos, até que, numa rua esburacada, escura, a carroça foi localizada no Jardim Maria Luiza, sendo empurrada por grupo de cinco pessoas. Avisados, os policiais chegaram em seguida, enquanto este grupo fugia, entrando num matagal. No entanto, um dos fugitivos, menor de idade, foi apanhado e na sequência certamente os demais foram identificados. A carroça estava salva, mas, dali parafrente, teve que ser empurrada novamente pelos interessados, até chegar a lugar seguro. Ufa! Imagine-se a cena hilariante formada por um grupo de pessoas, num baita Galaxie de coleção, com motor beberrão, perseguindo uma simples e velha carroça sem cavalo. No ano que vem, se a carroça for levada ao encontro novamente, provavelmente ficará acorrentada a um poste!

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)