Vendas de carro tem o melhor julho da história

0
Postado 3 de agosto de 2012 por bisponeto em Automóveis
A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) confirmou na última quarta-feira (1º de agosto) que as vendas de carros tiveram o melhor mês de julho da história, com 351.4 mil emplacamentos. O recorde mensal  havia sido adiantado pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, na última terça-feira (31 de julho), e foi alavancado pelo desconto no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) determinado pelo governo em 21 de maio passado. A medida foi tomada em virtude da alta nos estoques e da queda nos emplacamentos.

No total, foram comercializadas em julho 351.410 unidades de automóveis e comerciais leves, um crescimento de 3,1% em relação a junho. Sobre julho do ano passado, a alta foi de 22%. No acumulado do ano, que soma 1.983.781 carros vendidos, houve aumento de 3% sobre 2011. Primeiro mês cheio com o IPI reduzido, junho já havia sido o melhor da história para o segmento, com 340.706 carros emplacados. “Até as medidas (o desconto no IPI), o resultado era negativo e os números atuais mostram a importância da soma de esforços entre governo, iniciativa privada e instituições financeiras”, avalia Flávio Meneghetti, presidente da federação.

Veículos

Considerando caminhões e ônibus, foram emplacados 364.157 veículos em julho, uma alta de 1,77% sobre o mês anterior. Na comparação com julho de 2011, o aumento foi de 30,22%. No acumulado do ano foram vendidos 2.080.996 veículos, número 1,84% superior ao de igual período em 2011. A comercialização de caminhões teve ligeira alta de 0,14% sobre junho, com 10.709 unidades, mas continua sofrendo queda expressiva na comparação com o mesmo período em 2011. Naquele julho foram vendidos 31% mais caminhões do que neste ano.

Um dos motivos da baixa é que, com a exigência de que esses veículos saiam de fábrica com motores menos poluentes (padrão Euro 5), que começou a valer neste ano, muitos clientes anteciparam as compras em 2011. De janeiro a julho deste ano, foram emplacados 97.215 caminhões, 18,3% a menos do que no mesmo período do ano passado. As vendas de motos, contadas em separado, chegaram a 138.462 unidades em julho. Houve alta de 11,7% sobre o mês anterior, porém queda de 13,5% na comparação com julho de 2011. No acumulado do ano, 987.075 motos foram emplacadas, baixa de 8,47% sobre o mesmo período do ano passado.

Os emplacamentos de ônibus totalizaram 2.038 unidades em julho, um crescimento de 11,3% sobre junho e de 25,5% sobre 1 ano atrás. No acumulado, somam-se 16.970 ônibus vendidos, número 11,5% menor do que nos 7 primeiros meses de 2011. Mas não há previsão de prorrogação do desconto no IPI, que termina no fim deste mês de agosto.

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)