Bastidores, por Myckael Allan Kaefer.

BASTIDORES: Um fim de semana para ficar na memória dos cascavelenses

0
Postado 6 de agosto de 2012 por bisponeto em Colunas
No domingo (5/8), mais de 50 mil pessoas estiveram no Autódromo Zilmar Beux, para ver os belos caminhões da Formula Truck na pista. O evento marcou o retorno da categoria a cidade após 4 anos de ausência, e também a reinauguração do circuito após uma merecida e necessária reforma geral. Mesmo com as obras ainda não concluídas, era comentário no padock que este autódromo, tem tudo para ser um dos, senão o melhor do Brasil. Exagero ou não, as obras foram incríveis. Não há comparações com os antigos boxes, asfalto impecável, inclusive com a reta principal preparada para arrancadas, áreas de escapes mais seguras, entre outras tantas melhorias.

O final de semana começou com o pessoal do Marcas no asfalto, com os treinos livres e classificatório e a primeira bateria do final de semana, com muitos pegas e disputas por posições. Enquanto isso o pessoal das equipes da Truck preparavam os caminhões e deixavam tudo ajustado para a prova. A grande atração mesmo foram os pesadões, que estiveram incríveis na pista. Os treinos já davam a pinta do que ia acontecer durante a prova. Pessoal andando junto, acelerando forte, indo pra cima e dominando o temível Bacião.

Domingo cedo as filas já se formavam na entrada do autódromo, sinal do que nos aguardava lá dentro. Cerca de 13.000 pessoas acamparam no local e as 6h30 já havia uma fila de quase 1 km. Mas nada como começar o dia com cheiro de pneu queimado, e os pilotos ajudaram dando um show na pista com boas ultrapassagens em alta velocidade. A grande atração foi a Débora Rodrigues. Ela levantou a torcida largando em 20.º e terminando a corrida em 5.º com uma bela ultrapassagem na ultima curva. Na corrida aconteceu também um acidente incrível. Muito emocionada ela agradeceu o apoio da torcida e comemorou o lugar no pódio.

Mas essa corrida valeu mais que o pódio. Há 25 anos atrás, quando o jornalista português, Francisco Santos, idealizou e realizou a “I Copa Brasil de Caminhões”, aqui mesmo em Cascavel, acredito que nem ele, e nem Aurélio Bastita Felix imaginavam a semente que plantaram. A corrida não movimentou apenas pilotos e equipes, mas sim a cidade inteira. Hotéis, restaurantes, bares, taxis, imprensa, vendedores ambulantes, torcedores, enfim, um batalhão de gente.

Não só o cascavelense, mas como todo o povo da região sentia a falta da Truck na cidade, o que foi comprovado pelo grande público presente, estima-se que o publico passou dos 50 mil. Agora todos torcem para que a cidade volte ao circuito nacional e internacional das grandes corridas como no passado, quando tínhamos aqui a Truck, Stock Car e Formula 3.

Abraço a todos e até a próxima corrida. Myckael Allan Kaefer.

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)