Renault cresce 37% no 1º semestre

0
Postado 6 de julho de 2012 por bisponeto em Automóveis
No mês de junho a Renault do Brasil bateu seu recorde de emplacamentos no mercado nacional com 24.247 unidades. Com isso, a marca fechou o primeiro semestre de 2012, com 110.536 veículos comercializados, o que representa um crescimento de 37,3%, comparando-se com 2011. No mesmo período, o mercado brasileiro sofreu ligeira retração de 0,4%. Na comparação com junho do ano passado, a marca cresceu 75,2% enquanto o mercado aumentou 18,7% na mesma comparação.

O melhor desempenho mensal, em termos de volume, já obtido pela Renault no país se deve principalmente aos recordes alcançados pelos modelos Sandero (10.595 unidades) e Duster (5.171) – que segue firme como o utilitário esportivo mais vendido do mercado nacional.

Com este desempenho, a Renault fechou o mês de junho com 7,12% de participação no mercado brasileiro, o segundo melhor índice obtido pela marca, que já chegou a registrar 7,19% de market share em novembro de 2011. Em quinto lugar no ranking geral, em junho, a Renault se aproximou mais da quarta colocada.

“Enquanto o mercado nacional registrou ligeira queda, a Renault cresceu consideravelmente neste primeiro semestre. Vamos dar continuidade à nossa estratégia comercial que priorizará a renovação e ampliação da gama, para isso estamos investindo no aumento de nossa capacidade produtiva”, ressalta Olivier Murguet, Presidente da Renault do Brasil.

Ainda levando-se em conta os números de junho deste ano em relação a 2011, outros modelos da Renault também tiveram bom desempenho de vendas. O Fluence fechou o mês com 1.458 exemplares vendidos, contra 727 e junho passado (+101,9%); o Logan registrou 3.584, contra 3.272 (+9,6%); e o Kangoo anotou 355, contra 256 (+38,7%).

Ranking mundial

Em âmbito global, o mercado brasileiro continua sendo o segundo mais importante para a Renault. No acumulado de 2012, com volume total de 310.293 unidades, a França está em primeiro lugar, seguido do Brasil (110.536), da Rússia (95.579), da Alemanha (88.694) e da Argentina (63.770).

 


0 Commentarios



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta


(obrigatório)